bitcoin btc preço mercado análise

Com os mercados relativamente estáveis, o Preço do Bitcoin (BTC) frente ao Dólar Americano (USD) e o Real Brasileiro (BRL) tem tido a zona de US$ 3900 e R$ 15000 como sua atual base.

Entretanto, em se tratando de criptomoedas isso pode mudar em um instante. Vejamos agora a  análise trazida até você por nossa central de investimentos para averiguar melhor as particularidades desses mercados.

Para entender melhor as análises que apresentamos a seguir, recomenda-se também a leitura da Análise Semanal do Preço do Bitcoin vs o Dólar e o Real.

Preço do Bitcoin (BTC/USD)

Depois de uma queda relâmpago nos preços que ocorreu entre ontem e hoje, o Preço do Bitcoin retornou à o que tem sido considerado como sua taxa base frente ao Dólar durante os últimos ciclos, o que foi visto por analistas como uma tendência positiva.

BTC/USD – Gráfico de 4 horas

bitcoin vs dolar 12/03

Os indicadores técnicos do gráfico de 4 horas para o par BTC/USD nos demonstram o que parece ser uma pequena perda na pressão ascendente que o Preço do Bitcoin tem demonstrado durante os últimos dias.

Apesar do RSI estar apontando para a lua, o MACD desacredita uma provável subida maior. Fora isso, a esquemática atual de topos e fundos cada vez mais baixos que pudemos observar durante os últimos intervalos nos faz crer que é possível uma maior estagnação ou até mesmo outras quedas.

Em questão de suportes no caso de uma queda, temos a partir da análise gráfica do Bitcoin vs o Dólar Americano os pontos em US$ 3820 e US$ 3850. Contudo, caso o suporte mais baixo falhe, é bem provável que vejamos o preço do BTC em menos de US$ 3800, uma vez que o último ponto conhecido de acumulação na área é a marca de US$ 3740.

BTC/USD – Gráfico de 30 minutos

btc vs usd 12/03

Logo após a queda que aconteceu entre ontem e hoje no Preço do Bitcoin vs o USD, vimos que os compradores se animaram, praticamente criando sobrecompra de BTC no par. Isso fica perfeitamente claro a partir do Índice de Força Relativa.

Já o MACD nos demonstra a mesma coisa, mas adiciona a informação de que houve uma recuperação muito rápida em pouquíssimo tempo. E, quanto a isso, existem duas formas de interpretar a informação.

Olhando de forma positiva, o mercado não aceitou de forma alguma o preço mais baixo que US$ 3850, tanto é que viu esse valor como uma barganha, recomprando tudo o que havia sido vendido rapidamente.

Por outro ponto de vista, temos um cenário onde jogadores inexperientes subiram a taxa BTC/USD e, em não muito tempo, pagarão o preço por sua agressividade.

Independentemente de como você possa decidir interpretar os fatos, é relativamente certo que durante os próximos ciclos veremos um mercado lateral, ao menos no curto prazo, é claro.

Os suportes e resistências verificados a partir da análise gráfica para esse exercício estão localizados nas marcas de:

  • Suportes
    • US$ 3850
    • US$ 3870
  • Resistências
    • US$ 3910
    • US$ 3950

Preço do Bitcoin vs Real (BTC/BRL)

O trader que executa suas negociações nas exchanges nacionais parece ter estado um pouco mais “conservador” durante os últimos tempos e isso ainda é mais forçado pela estabilidade do Real frente ao Dólar, o que tem ocorrido durante os últimos meses.

BTC/BRL – Gráfico de 4 horas

bitcoin vs real 12/03

Apesar de estar seguindo o mercado internacional, a taxa BTC/BRL demonstrou um maior conservacionismo em comparação. Mesmo com o Dólar mais equilibrado na sua cotação vs o Real, percebemos no gráfico que o preço não se desviou muito da média, sendo que em momentos de grande volatilidade o Preço do Bitcoin no Brasil viu menos ação que no exterior.

Outro ponto curioso dentro dos mercados nacionais é que tivemos nossa própria depreciação relâmpago, provavelmente efetuada por grandes players para executar ordens de “stop-loss” nas corretoras. Isso está evidenciado no gráfico pela seta vermelha apontando para o longo pavio observado durante os últimos ciclos.

Já os indicadores técnicos contam uma história semelhante a do par Bitcoin vs USD, apresentando uma certa ação positiva por parte dos compradores tentando empurrar o preço para cima.

Contudo, é improvável que com o atual cenário internacional do BTC o preço consiga sair do intervalo demonstrado entre R$ 14990 e R$ 14800, os quais são respectivamente resistência e suporte verificados por nossa análise gráfica.

Em termos de uma subida ou queda maiores, as barreiras que poderão segurar a taxa Bitcoin vs o Real estão marcadas nos pontos de R$ 14400 e R$ 15200.

BTC/BRL – Gráfico de 30 minutos

btc vs real 12/03

Os indicadores do intervalo de 30 minutos nos apresentam uma história similar à explanada pelo gráfico de 4 horas do par BTC/BRL.

Entretanto, temos duas coisas muito importantes para reparar nessa tabela específica:

  • A resistência de R$ 15000 segurando o preço do Bitcoin a cada tentativa de quebrá-la durante os últimos ciclos;
  • A apresentação do que pode ser um enfraquecimento, durante o curto prazo, do suporte de R$ 14800.

Caso o suporte existente em R$ 14800 caia, existem boas chances de uma retração da taxa até o ponto de R$ 14000, com uma subsequente correção para a marca de R$ 14400.

Mas, se o oposto ocorrer e a taxa decidir cavalgar rumo “ao infinito e além”, quebrando a insistente barreira de R$ 15000, é bem possível que vejamos a taxa do BTC/BRL atingir até mesmo R$ 15500 com uma correção posterior para o patamar de R$ 15000 – tendo essa região, dentro esse cenário específico, se tornado um suporte.

Nota: As informações aqui dispostas não pretendem ser dicas para investimento ou apontamento de preços para entrada ou saída de posições. O BTCSoul, seus editores, redatores e economistas não responsabilizam-se por quaisquer perdas que possam resultar do uso das informações acima mencionadas.