O CEO da BitMEX, Arthur Hayes, está convencido de que o preço do Bitcoin pode chegar a US$50 mil até o final de 2018, mas enfatiza que o valor, em si, é de pouco interesse.

Durante o recente crescimento do Bitcoin, a Primeira Moeda acabou rompendo a resistência em US$6,85 mil, corretoras que detêm significativas posições curtas na BitMEX eliminaram US$180 milhões em apenas 20 minutos.

A trading Cumberland, especializada em negociações de mercado de balcão, acompanhou o fechamento de seis posições curtas em US$10 milhões cada.

A empresa acredita que o chamado short-squeeze (“short de pouso”) causou o impetuoso crescimento do mercado, já que não houve positivo fundamental na véspera do salto.

Vale ressaltar que alguns traders reclamaram que a BitMEX deixou de funcionar, o que, provavelmente, foi causado pelo influxo de paradas que fecharam suas posições.