A adoção das criptos é lenta, mas inevitável

Ex-conselheiro em Bruxelas diz: “Adoção em massa das criptos é lenta mas imparável”. e em greve mudarão a configuração geopolítica da Europa.

Publicado em 6 de janeiro de 2017 por

Matthias Klees, membro fundador do LocalCrypto e ex-conselheiro em Bruxelas, revelou que a plataforma recentemente lançada pelo LocalCrypto é o primeiro passo para o avanço da adoção das criptomoedas do mundo real.

O grupo é voltado para um sofisticado sistema de geolocalização, associado à conectividade de motores de busca high-end. Seu foco é fomentar e estabelecer uma economia de criptocorrência local, como o mercadinho do seu bairro.

Publicidade

Publicidade

Klees diz:

“Você pode listar seu negócio de aceitação da criptografia ou anunciar trocas em Bitcoin ou Altcoins à maneira antiquada para pessoas que não gostam de entrar em trading online. Isto possibilitará que você encontre novos negócios, podendo entrar em contato com a comunidade cripto, encontrar clientes e também lojas/serviços e que aceitam criptos em sua região. Gostaríamos de tornar mais fácil para todos saber quem está ao redor está usando criptomoedas e com quem se envolver.”

A mentalidade para a adoção das criptomoedas em massa

Para se diferenciar de outras organizações atualmente promovendo a adoção de criptos, a LocalCrypto está priorizando as atividades locais e a integração da criptomoeda na vida cotidiana.

Publicidade

Publicidade

“Nós somos regionalistas, porque o regionalismo moderno conectado é a forma mais natural de descentralização social. Precisamos fazer da descentralização um conceito de como pensamos, como nos sentimos e como lidamos com nosso ambiente, para criar a mentalidade para a adoção em massa da negociação em criptos”. Klees diz.

Nos próximos três meses, o grupo estará lançando um gateway de pagamento, juntamente com pontos de venda em tablets e PCs, e uma coleção de dispositivos de hardware, apoiando primeiro o Bitcoin, EuropeCoin, BitSend e outros no futuro. A LocalCrypto detém a opinião de que sua iniciativa faz sentido, uma vez que maioria dos fornecedores de pagamento têm dificuldade em chegar à economia do mundo real.

Segundo Klees, todos os que se envolverem na iniciativa se beneficiarão

Ele disse: “Vamos continuar a construir não só um endereço único para todas as suas necessidades de negócios cripto, mas também dar a todos as ferramentas para espalhar a palavra sobre as criptomoedas em todas as regiões e para obter uma parte justa do sucesso que estamos construindo juntos. Para iniciar um movimento de consultoria de base social impulsionado pela sociedade”.

A Europa não sobreviverá na sua forma atual

O ex-conselheiro de Bruxelas, Matthias Klees acredita que a Europa não vai sobreviver na sua forma atual e, por isso, a pedra angular dos esforços da LocalCrypto é construir uma alternativa descentralizada para qualquer aspecto da sociedade.

“Em uma década eu vejo um panorama de múltiplas moedas, onde as fronteiras entre o pagamento e a utilidade serão apagadas. Eu espero ver uma sociedade mais descentralizada, com muitas ilhas conectadas, autônomas e diversos conceitos sociais. Isto é o que nossa equipe está dedicada a conseguir”, disse Klees.

Há um monte de pessoas que ainda são céticas sobre o futuro das criptos. Mas as pessoas na LocalCrypto acreditam no exato contrário.

Klees ainda conclui dizendo: “Tenho absoluta certeza disso. Não é necessária sequer uma quebra da economia para ver isso acontecer. As criptomoedas estão trabalhando como a gravidade: Lentas, mas imparáveis”.

Publicidade

Publicidade

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment