Aplicativos da Google Play mineram Monero em smartphones de vítimas

Especialistas da Avast descobriram dois novos aplicaticos na Google Play – SP Browser e Mr. MineRusher – com um malware incorporado para a mineração de Monero. De acordo com o portal ITPro, milhares de usuários já baixaram os apps.

Publicado em 16 de Março de 2018 por

Especialistas da Avast descobriram dois novos aplicaticos na Google Play – SP Browser e Mr. MineRusher – com um malware incorporado para a mineração de Monero. De acordo com o portal ITPro, milhares de usuários já baixaram os apps.

Aplicativos da Google Play mineram Monero em smartphones de vítimas. BTCSoul.com

Publicidade

Publicidade

Aplicativos da Google Play mineram Monero em smartphones de vítimas. BTCSoul.com

Quando o usuário baixa e abre o aplicativo, o mesmo se conecta automaticamente ao site apptrackers.org, onde reside um programa chamado CoinHive Javascript, projetado para mineração de Monero. O processo começa imediatamente após a conexão ao domínio e passa despercebido pelo usuário, já que a mineradora trabalha em segundo plano quando a tela está desligada e o dispositivo faz uso de dados móveis ou conexão Wi-Fi.

Aplicativos da Google Play mineram Monero em smartphones de vítimas. BTCSoul.com

Vale ressaltar que os especialistas da Avast já demonstraram as consequências da mineração de Monero em telefones celulares como parte da exposição de tecnologia móvel Mobile World Congress 2018. Seus participantes testemunharam uma rápida descarga de bateria, falhas ao se contectar a vários sites, e, em alguns casos, falhas em grande escala no sistema.

Por fim, especialistas da empresa de antivírus ESET descobriram três aplicativos infectados no diretório do software Download.com. O código malicioso foi distribuído juntamente com programas legítimos e projetado para roubar Bitcoins.

Chrys

Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment