Banco central de Cingapura usa blockchain para emitir tokens de moeda nacional

A Autoridade Monetária de Cingapura (MAS), em cooperação com grandes bancos e empresas de blockchain, completou com sucesso a primeira etapa da tokenização do Dólar de Cingapura com base na blockchain do Ethereum, conhecido como Projeto Ubin.

Publicado em 10 de junho de 2017 por

A Autoridade Monetária de Cingapura (MAS), em cooperação com grandes bancos e empresas de blockchain, completou com sucesso a primeira etapa da tokenização do Dólar de Cingapura com base na blockchain do Ethereum, conhecido como Projeto Ubin.

O mais recente relatório publicado pelo MAS diz que o projeto piloto foi conduzido para identificar as possibilidades da tecnologia por meio de experimentação prática. O documento observa que os tokens digitais, emitidos pelo banco central, podem ser uma alternativa efetiva e simples aos modernos sistemas de pagamento.

De acordo com o relatório do MAS, o projeto integra elementos existentes do sistema financeiro, tais como estruturas de compensação, sistema interbancário de pagamentos eletrônicos, etc., com o Quorum de bloco privado com base em Ethereum.

O projeto Ubin será implementado em etapas. A tecnologia de blockchain será testada em primeiro lugar para pagamentos interbancários internos e, no futuro, o projeto deslocará seu foco para o mercado de valores mobiliários, pagamentos transfronteiriços e financiamento comercial.

“A ‘tokenização’ eliminará os atrasos na realização de pagamentos e aumentará a eficiência de outros serviços financeiros. Além disso, devido à minimização da participação de terceiros, em alguns casos, será possível reduzir os requisitos de garantia”, diz o relatório.

O projeto Ubin foi lançado em novembro de 2016 em cooperação com o grupo R3 e um consórcio de vários bancos internacionais, incluindo o Bank of America Merrill Lynch, o Credit Suisse e o JP Morgan. O projeto contou com a participação da Singapore Stock Exchange e de outras instituições financeiras locais.

Publicidade

De acordo com o relatório da Universidade de Ciências Aplicadas e Artes de Lucerna, Cingapura ocupa o primeiro lugar no mundo em termos das condições mais favoráveis ​​(políticas legais, econômicas, sociais e tecnológicas) para o crescimento do setor financeiro e tecnológico.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment