Banco central da Índia dá sinal verde para blockchain

A blockchain tá mais rápida que o papa leguas

Publicado em 10 de Janeiro de 2017 por

Seguindo os passos do 5.º maior banco da Índia, que anunciou uma implementação de transações em blockchain, o Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento em Tecnologia Bancária, braço de pesquisa do banco central do país, diz ter testado a tecnologia para os principais processos bancários nacionais.

O IDRBT é um braço do Reserve Bank of India (RBI). Ele diz que chegou o momento do Banco da Índia adotar o uso de blockchain. O banco Yes, usou blockchain para digitalizar o financiamento de fornecedores para um fabricante de aparelhos de consumo.

Mercado em expansão

Em seu white paper intitulado “Applications of Blockchain Technology to Banking and Financial Sector in India”, o IDRBT observou que a Blockchain tem o potencial de abordar certas limitações dentro dos atuais processos do setor de serviços financeiros “modernizando, racionalizando e simplificando o design tradicional da infraestrutura da indústria financeira com um tecido compartilhado de informações comuns “. O documento classificou suas vantagens em economia de custos, eficiência e transparência.

De acordo com o CEO do grupo Auxesis, Akash Gaurav, países como a Índia precisam da tecnologia Blockchain, pois ela desbloqueia muitas possibilidades e eficiências em várias indústrias.

A Auxesis de Gaurav oferece soluções de ponta a ponta, desde ideação e consultoria até como a Blockchain pode ajudar as organizações a melhorar suas funcionalidades ou protótipos e desenvolver as soluções finais para que elas possam permitir a exploração da tecnologia nascente sem nenhum risco. Ele diz:

“Para um país em desenvolvimento como a Índia é importante, para o governo, chegar a uma solução que acabasse com as questões relacionadas com a falsificação e a corrupção para tornar o sistema mais transparente e seguro. Esses sistemas podem ser habilitados usando tais tecnologias de livro distribuído como a Blockchain.”

Num roteiro sugerido para a adopção da tecnologia Blockchain no sector bancário indiano, que incluirá transações intrabancárias, interbancárias e de bancos centrais; a IDRBT sugeriu que a Blockchain “amadureceu suficientemente e existe uma consciência entre as partes interessadas que torna o momento apropriado para iniciar esforços adequados para digitalizar a Rúpia Indiana através dela”.

A publicação ainda referiu-se aos esforços dos bancos centrais no Canadá, na Inglaterra, na Suécia e nos Países Baixos, que começaram a explorar o uso de Blockchain para digitalizar sua moeda para alcançar uma sociedade sem dinheiro.

Como um mercado de Blockchain em expansão, várias empresas, incluindo Auxesis, que é a primeira e mais antiga empresa de contabilidade distribuída da Índia que começou em 2014, estão aproveitando a crescente tendência.

A empresa, que desenvolveu projetos de inicialização como o aplicativo de remessa Cashaa e BTC2BID, uma plataforma de negociação p2p Bitcoin; desenvolveu soluções sobre o recurso de contrato inteligente da Ethereum para algumas instituições financeiras. Ela recentemente se associou com a Multichain.org, para desenvolver mais POC para instituições financeiras e bancos, visando estender as capacidades da Blockchain em vários setores,  assim construindo aplicativos práticos e escaláveis para seus clientes.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment