Bancos de Singapura fecham contas de dez empresas de criptomoeda

O vice-primeiro ministro de Singapura, Tharman Shanmugaratnam, afirmou que o governo não proibirá a negociação em criptomoedas. Segundo ele, ainda é cedo demais para falar sobre quaisquer medidas em relação à nova tecnologia

Publicado em 27 de setembro de 2017 por

Ao longo das últimas semanas, os bancos de Singapura encerraram contas de cerca de dez empresas de ativos criptográficos. O chefe da Singapore Association of Crypto-Currency e do agente da bolsa, Anson Zeall se referiu à situação como “algo inexplicável” e pediu às autoridades do país para intervir no problema, isso foi relatado pela Bloomberg.

“Nós gostaríamos de exortar Singapura a assumir a liderança e demonstrar como conseguir uma solução efetiva para todas as partes”, disse Zeall.

Por sua vez, o Banco Central de Singapura (MAS) disse que não interfere com as decisões comerciais dos bancos individuais e a responsabilidade de estabelecer protocolos de trabalho cabe aos próprios bancos desde que eles cumpram as regras de proteção contra fraudes e as leis sobre a integridade dos clientes.

Em particular, a CoinHako, uma corretora de criptomoedas de Cingapura, anunciou o fechamento de sua conta no DBS Bank.

“A regulamentação e o papel da blockchain na sociedade ainda representam um espaço cinzento”, observaram os representantes da corretora.

A CoinHako já notificou seus clientes que suspenderá a negociação em pares com o dólar de Cingapura por várias semanas, ate que consiga de abrir uma nova conta bancária.

Vale ressaltar que o fechamento das contas ocorreu logo após a publicação do MAS, avisando que os tokens digitais que se diferem das moedas digitais podem ser classificados como valores mobiliários. Mais tarde, o MAS alertou os clientes contra o investimento nas ICOs, uma vez que considera tais transações arriscadas.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment