Bicicleta elétrica com função de mineração de criptomoedas é criada na Grã-Bretanha

Publicado em 19 de junho de 2018 por

A empresa britânica 50Cycles apresentou a primeira bicicleta elétrica do mundo capaz de extrair criptomoedas. Isto foi relatado pelo Coindais.

A bicicleta elétrica denominada Toba oferecerá uma recompensa de £20, ou US$26,50 em tokens LoyalCoin (LYL), criados para aumentar a lealdade à marca. A recompensa para cada 1,6 mil km será de 20 libras (26,56 dólares) por cada mil milhas de quilometragem. O monitoramento da mineração foi realizado através de um programa especial instalado no smartphone, sendo que as chaves privadas que confirmam o direito de possuir moedas serão armazenadas em um dispositivo no próprio veículo.

“Esta não é apenas a primeira bicicleta elétrica desse tipo, mas também o primeiro produto tokenizado que recompensará seus usuários”, disse Scott Snaith, fundador e CEO da empresa.

Segundo ele, a criação de uma mineradora de criptomoedas com acionamento por pedal confirma o desejo da empresa de trabalhar com novas tecnologias.

“Nossa empresa sempre quis estar um passo à frente. Assim como vimos o potencial das bicicletas elétricas há 15 anos em Tóquio, hoje vemos grandes perspectivas na tecnologia de Blockchain, criptomoedas e tokenização de produto”, acrescentou Scott Snaith.

A 50Cycles também observou que atualmente, a empresa está cooperando com a startup Loyaltycoin ,baseada na na Suíça e com sede em Zug, sendo que no futuro, as bicicletas elétricas Toba terão seu próprio token, que unirá a grande família de ativos digitais. Os tokens LYL são atualmente negociados em apenas uma corretora: a Cryptopia.

O primeiro lote dessas bicicletas deve aparecer no mercado ainda este ano, contudo, elas não podem ser chamadas de baratas: o modelo mais básico custará 1.695 libras (2.250 dólares).

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment