Bitcoin nos Países Baixos, processos acelerados

O crescente interesse sobre o Bitcoin nos Países Baixos, fez com que a polícia decidisse acelerar casos pendentes relativos a moeda.

Publicado em 17 de janeiro de 2017 por

O crescente interesse sobre o Bitcoin nos Países Baixos, fez com que a polícia decidisse acelerar casos pendentes relativos a moeda.

O interesse no Bitcoin aumentou durante o último mês, como demonstra os dados do Google a respeito do termo da busca “Bitcoin”. Este aumento de interesse no Bitcoin provocou as agências legais holandesas para regular a moeda digital e, como resultado, promotores locais estão acelerando casos pendentes relativos ao Bitcoin.

Publicidade

Publicidade

Um gráfico de dois anos do Google Trends sobre a palavra-chave “Bitcoin” mostra um aumento drástico no interesse do Bitcoin no final de 2013, um período em que o Bitcoin atingira seu maior valor de negociação de todos os tempos. As pesquisas do Google sobre Bitcoin permaneceram relativamente baixas desde então, não conseguindo ultrapassar 30 pontos do máximo de 100 por quase dois anos.

Em 1.º de janeiro, o Bitcoin superou a marca de 50 pontos no Google Trends pela primeira vez em dois anos, demonstrando um pico de interesse na criptomoeda.

Embora seja difícil estabelecer uma forte correlação entre o aumento do interesse no Bitcoin e a crescente conscientização das agências legislativas holandesa em atividades criminosas baseadas em Bitcoin, a polícia local e as autoridades estão certamente acelerando o processo de desvendar operações ilícitas que se valeram do uso de Bitcoin.

Publicidade

Publicidade

A Polícia mantém olho vivo no Bitcoin

Em 3 de janeiro, a publicação local Het Financieele Dagblad (FD) revelou que o Ministério Público holandês tem três processos pendentes envolvendo Bitcoin e lavagem de dinheiro.

Numa declaração, a FD enfatizou ainda que o Ministério Público e a autoridade local estão atribuindo uma quantidade significativa de recursos à investigação de quaisquer atividades criminosas associadas à moeda digital.

A partir de agora, há apenas três casos pendentes aguardando julgamento, com dois dos casos envolvendo lavagem de dinheiro através do uso de Bitcoin. Os criminosos usaram o Bitcoin para transferir dinheiro usado em atividades ilícitas no valor de milhões de dólares.

O terceiro caso é uma repressão de uma exchange de Bitcoin não regulamentada e ilegal que trocou Bitcoin por euros, principalmente para usuários locais na Holanda.

Uma repressão às operações ilícitas em Bitcoin forçará as startups baseadas em Bitcoin a serem mais compatíveis com as regulamentações locais. Se o governo considerar o Bitcoin como um curso legal, que tenha um quadro regulamentar para complementar seu crescimento, o caminho para a adoção das massas será pavimentado para o Bitcoin no longo prazo.

Publicidade

Publicidade

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment