Bitcoin sobe ETC e ETH caem e Zcrash aparece

o bitcoin continua subindo, o ETC e ETH entram em queda, e o Zcash ganha novo apelido Zcrash, por conta de seus valores que continuam caindo.

Publicado em 27 de novembro de 2016 por

O preço do bitcoin continua elevado, durante a semana a moeda quebrou repetidas vezes o valor de $ 750 dólares, e ficou a apenas $30 dólares de atingir o teto atual do ano $781 dólares. O preço da moeda girou a semana acima de $ 700 dólares, valor que vem mantendo desde 14 de novembro.

O bitcoin também registrou algumas quedas durante o mês, especulações sobre leis regulatórias chinesas causaram uma queda no valor da moeda, valor que em pouco tempo foi recuperado. Em meio a essas quedas, muitos investidores oportunistas se posicionam para comprar, esses aumentos nas intenções de compra fazem com que o valor do bitcoin suba com relativa rapidez.

Publicidade

Publicidade

“Uma quantidade relativamente alta de dinheiro novo está entrando no sistema” para alimentar esta especulação, Zivkovski disse. “Isto resultou, contudo em um volume muito elevado de posições longas com um preço de entrada médio elevado (acima de $ 730)”.

Grandes expectativas

Joe Lee, fundador da plataforma de negociação de bitcoin, Magnr, também falou com crescente entusiasmo em torno de bitcoin.

“O entusiasmo e a confiança estão crescendo dentro da comunidade do bitcoin novamente como o preço no início desta semana cruzando um nível significativo de US $ 750”, disse Lee. “Há muitas razões para esse forte sentimento”, ele observou.

Publicidade

Publicidade

Eventos ajudam essa escalada

Muitos observadores de mercado apontaram a importante relação entre eventos macroeconômicos e os preços de bitcoin. Lee afirmou que os dados da Magnr apontam para a ideia de que existe uma forte correlação entre esses preços e fatores como a eleição dos EUA ou mudanças na política monetária chinesa.

Nos últimos meses, observadores do mercado têm repetidamente apontado para controles de capital chinês como uma das causas na elevação dos preços bitcoin. Se as políticas monetárias da nação fizerem com que a taxa de câmbio de USD / CNH desça abaixo de 7.00, o preço de bitcoin partirá de sua escala de troca atual, disse o co-fundador e CEO da BitMEX, Arthur Hayes.

Zivkovski também falou sobre a importância de macro eventos, enfatizando que, enquanto posições longas se amontoaram, essas apostas especulativas poderiam potencialmente desencadear um aperto longo, impulsionando preços mais baixos.

“Para que o preço continue subindo, precisaria se ter um macro catalisador (evento de notícias, como a adoção em larga escala do SegWit), disse ele. “A dinâmica do mercado por si só indica que a tomada de lucros é mais provável.”

ETH / ETC ainda em queda

Enquanto os preços de bitcoin parecem precisar de eventos macroeconômicos para subir, tanto o Ethereum (ETH) como o Ethereum Classic (ETC) sofreram queda nos preços nesta semana em meio a desafios técnicos contínuos. Enquanto o primeiro caiu 8% semana a semana, o último caiu 15,5%, revelam dados da Poloniex.

Ethereum sofreu seu quarto hard fork, “Spurious Dragon”, em 22 de novembro. Esta última mudança no protocolo ethereum autorizou os desenvolvedores a excluir contas que haviam sido deixadas em toda a rede por um hacker não identificado.

Spurious Dragon é o terceiro hard fork do Ethereum em quatro meses. Embora esse fato em si pareça não inspirar muita confiança na tecnologia subjacente da plataforma, o Spurious Dragon entrou em ação no dia 24 de novembro.

Jacob Eliosoff, gerente de fundos de criptomoeda, explicou a situação, dizendo: “Nenhum dos dois principais clientes (Geth e Parity) implementaram corretamente a lógica pretendida pelo fork”, e ambos os clientes se tornaram bugados de diferentes maneiras.

“Isso resultou em um mini fork da cadeia, agora reunidos, mas, pelo que eu vi, não de uma forma muito reconfortante. Basicamente eles disseram que um client bugado era o oficial da rede.”

Eliosoff efatizou que, por um lado, toda a situação revelou “um alto grau de amadorismo, o que resulta em ainda mais cautela e retirada de investidores”.

“Por outro lado”, ele acrescentou, “o preço não caiu muito considerando (líquido de 3%, depois de saltar de volta de um mergulho rápido), o que sugere um buffer decente de compradores oportunistas”.

ETC trilha seu próprio caminho

Enquanto o ETH encontrou alguns desafios essa semana, a comunidade do ETC trabalhou ainda mais para definir sua identidade. Chris Burniske, gerente de investimentos da ARK Invest, coomentou:

“Parece para mim que o Ethereum Classic está gravitando em torno dos atributos do Bitcoin, como a imutabilidade a todo custo e emissão limitada. Apesar de eu conseguir entender os valores inerentes destes atributos, isto apenas posiciona o ETC ainda mais como competidor do BTC, o que é uma posição estranha de se ficar.”

Zivkovkski descreveu o ETC como “o ‘anti-establishment’, uma versão completamente descentralizada do ETH”, e ainda declarou que o ETC “conseguiu conquistar um lugar em um nicho de mercado já saturado”.

Outros mercados   

O Zcash, uma divisa digital voltada para a privacidade, experimentou maior volatilidade do que qualquer outra criptomoeda mencionada acima, caindo quase 40% de seu preço de abertura de 85,16 dólares em 18 de novembro para sua baixa semanal de aproximadamente US $ 53 em 22 de novembro. Depois disso, Zcash atingiu quase ao dobro de preço, quebrando a barreira de US $ 100 em 25 de novembro.

O Monero, outra criptomoeda focada na privacidade que concorre com o Zcash, subiu até 23% de seu preço de abertura de US $ 6,70 para chegar a US $ 8,24, também de acordo com a Poloniex. Para a semana, Monero subiu 14,9%.

O Zcash gerou o entusiasmo significativo que conduziu seu primeiro dia de negociação, levantando-se aproximadamente 3.300 BTC (mais de $ 2 milhões) na Poloniex. No entanto, a moeda digital perdeu muito valor desde então, e levando em conta a opinião de alguns especialistas do mercado que rotularam a situação do “Zcrash”.

Observadores do mercado apontam para o hype de desvanecimento e a oferta crescente, e Hayes previu que a situação só vai piorar.

“O ZCrash é uma história clássica de oferta e demanda”, disse ele. “Independentemente dos méritos técnicos da moeda, a taxa de inflação vai aumentar drasticamente na próxima semana. O aumento da recompensa de mineração exercerá uma pressão descendente considerável sobre o Zcash.”

Enquanto Zcash encontra esses ventos contrários, o  Monero já se estabeleceu como uma moeda forte, orientada para a privacidade, Zivkovski disse.

Em muitos casos, a “melhor escolha é um mercado mais líquido e a própria moeda é mais comprovada, proporcionando (quase) o mesmo grau de anonimato que Zcash”, disse ele.

“Será interessante observar a concorrência entre as duas moedas à medida que o tempo passa se o Zcash vai conseguir sua ação em conjunto e permanecer relevante”, disse Zivkovkski. “No entanto, será difícil para o Zcash competir contra [Monero] (o titular), sem diferenciação sólida

Publicidade

Publicidade

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment