Bitfury deseja acabar com anonimato do Bitcoin

O fornecedor de soluções de Blockchain, Bitfury Group, apresentou um conjunto de ferramentas Crystal, projetado para identificar e investigar atividades criminosas dentro da Blockchain do Bitcoin.

Publicado em 8 de Janeiro de 2018 por

A empresa de Blockchain e um dos principais fabricantes de chips de mineração, Bitfury Group, publicou detalhes sobre uma nova solução que deve permitir a divulgação da cadeia de links entre endereços na rede Bitcoin, minimizando erros de análise e fornecendo resultados mais claros a investigações criminais enquanto, ao mesmo tempo, lembra cada usuário de proteger a privacidade de seus dados.

“Agora, os usuários podem criar muitos endereços que lhes permitem ocultar sua identidade quando cometem crimes no ecossistema. A capacidade de encontrar uma relação de endereço chamada “clustering” é uma nova e importante ferramenta que permite que agências de aplicação da lei realizem investigações”, afirma Valery Vavilov, CEO da Bitfury Group, observando que o desenvolvimento deve, a longo prazo, ajudar na realização de investigações em vez de reduzir o nível de atividade criminal em geral.

Publicidade

Publicidade

O “Clustering” é o processo de descoberta de usuários de Bitcoin através da análise dos dados da Blockchain. Vale ressaltar que a Bitfury publicou um relatório no qual revela uma abordagem integrada desse processo. Assim, além de analisar a Blockchain, os dados fora da cadeia – como, por exemplo, informações públicas na Internet – serão considerados e agrupados. Espera-se que isso ajude pesquisadores a minimizar erros de fontes não confiáveis ​​e lhe conceda maior precisão dos resultados. A empresa refere-se a testes realizados por uma equipe de desenvolvedores cujos resultados excedem as soluções existentes.

A Biftury concentra-se na luta contra criminosos, mas deve entender que este ou outro método similar de desanonimização pode ser aplicado a qualquer um dos proprietários de Bitcoin. O White Paper do “clustering” da Bitfury pode ser encontrado no link.

Opinião:

Publicidade

Publicidade

Muito me espanta uma empresa como a BitFury vir com uma solução dessas. Esse tipo de coisa cede muito poder não apenas ao governo como também à pessoas mal intencionadas de modo geral, afinal, será muito mais simples escolher vitimas para sequestros meramente ao ver suas carteiras de Bitcoin.

Chrys

Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment