BitFury Group faturou US$ 100 milhões

O BitFury Group, líder de soluções Bitcoin e blockchain, declarou que sua receita para o ano fiscal de 2017 foi de US$ 93,7 milhões, o que representa um aumento de 70% em relação ao período anterior.

Publicado em 28 de julho de 2017 por

O BitFury Group, líder de soluções Bitcoin e blockchain, declarou que sua receita para o ano fiscal de 2017 foi de US$ 93,7 milhões, o que representa um aumento de 70% em relação ao período anterior. Isso foi relatado pela revista Fok Log.

Conforme o informado, o EBITDA (relatório aproximado de lucro antes de juros, impostos e depreciação acumulada) do Grupo BitFury para o ano fiscal de 2017 foi de US$ 24,7 milhões. Além disso, durante o período de relatório, a empresa arrecadou cerca de US$ 100 milhões de investimentos de risco, que é cerca de 10% a mais do que no ano anterior.

Publicidade

Publicidade

O BitFury Group foi fundado em 2011 e originalmente especializado em mineração de Bitcoins. Ao longo do tempo, a empresa expandiu a gama de suas atividades, tornou-se uma organização multidisciplinar e, em particular, ganhou fama como fornecedora de soluções de software para Bitcoin e indústria de blockchain.

Os escritórios da empresa estão localizados em São Francisco, Washington, DC, Hong Kong, Londres e Amsterdã, contando também com centros de dados na Geórgia e na Islândia.

No momento, a participação do grupo de mineração BitFury no hashrate da rede Bitcoin é de 2,5%. Há algum tempo, esse indicador variou entre 10% e 15%.

Publicidade

Publicidade

BitFury, gráfico distribuição hash rate btc. BTCSoul.com

De acordo com a publicação, até 2021, o Bitfury Group planeja gerar US$ 585 milhões em receitas anualmente. Espera-se que 52% desse valor (US$ 302 milhões) sejam provenientes de comissões por transações e receitas de mineração; 37% (US$ 217 milhões) representarão as receitas da divisão de mineração BlockBox; 11% (US$ 66 milhões) figuram como receita dos serviços b2b e, em particular, de um novo produto de código aberto chamado Exonum.

Atualmente, o número total de funcionários do Grupo Bitfury totaliza 250 pessoas – três vezes mais do que três anos antes.

“Agora, estamos no primeiro estágio de desenvolvimento da tecnologia de registro distribuído e acreditamos que o futuro do Bitcoin e todo o ecossistema de bloco será brilhante”, disse Valery Vavilov, fundador da empresa.

No início deste mês, a empresa BitFury testou com sucesso a tecnologia Lighting Network no sistema de blockchain do Bitcoin, que permite microtransações instantâneas e econômicas.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment