Britânicos pedem desenvolvimento de padrões éticos para ICO

O grupo Z / Yen, com sede em Londres, publicou um manifesto pedindo a introdução de novos padrões para a Oferta Inicial de Moedas (ICO).

Publicado em 25 de outubro de 2017 por

O grupo Z / Yen, com sede em Londres, publicou um manifesto pedindo a introdução de novos padrões para a Oferta Inicial de Moedas (ICO).

Os autores do manifesto observam que a tecnologia de Blockchain corre o risco de ganhar uma má reputação devido ao caos que prevalece no mercado das moedas criptográficas e das ICOs.

Publicidade

Publicidade

“A enganação e esquemas fraudulentos prejudicam a confiança nos ativos criptográficos e no comércio de tokens, o mercado se torna o centro de atração para aqueles que querem ganhar dinheiro rápido. Por isso, as empresas que estão realmente interessadas nos mecanismos das ICOs são obrigadas a limitar suas atividades para não serem prejudicadas por fraudadores “, diz o documento.

O manifesto propõe a criação de novos padrões éticos para as empresas emergentes em ICOs, além de aportar a máxima autonomia, transparência, honestidade e justiça.

“As empresas que iniciam ICOs devem levar em conta os interesses de seus investidores, cumprir as leis e comunicar claramente o valor dos tokens emitidos e quais os dividendos que realmente trazem aos investidores”, afirmam os autores do documento.

Nota-se que o manifesto foi assinado por mais de 30 representantes da indústria britânica de criptos.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment