CACEIS entra para grupo de desenvolvimento de Blockchain

O serviço de ativos do grupo bancário francês Crédit Agricole através de sua divisão CACEIS, juntou-se a um piloto de blockchains em curso, focado em serviços pós-negociação para pequenas empresas.

Publicado em 7 de maio de 2017 por

O serviço de ativos do grupo bancário francês Crédit Agricole através de sua divisão CACEIS, juntou-se a um piloto de blockchains em curso, focado em serviços pós-negociação para pequenas empresas.

O grupo de instituições financeiras europeias – BNP Paribas Securities Services, Caisse des Dépôts, Euroclear, Euronext, S2iEM, Société Générale e Paris EUROPLACE – apresentou o seu projeto no ano passado, com o objetivo declarado de “focar em novas soluções que darão a pequenas e médias e grandes empresas um acesso mais fácil ao financiamento de que necessitam”.

Publicidade

Publicidade

Agora, a CACEIS – a divisão do Crédit Agricole focada no serviço de ativos – está se juntando à briga, tendo firmado um acordo de investimento com o grupo para ajudar a desenvolver a iniciativa.

Conforme observado pela empresa, o movimento coincide com esforços feitos no ano passado pelo governo francês para abrir caminho para que os títulos municipais possam ser emitidos digitalmente via blockchain.

Jean-François Abadie, diretor executivo da empresa, disse em um comunicado:

Publicidade

Publicidade

“Estamos muito satisfeitos por participar desse processo de inovação coletiva, que promete combinar uma vasta gama de experiências e conhecimentos adequados à sua ambição de ajudar a impulsionar o processo de transformação do ambiente pós-mercado. O CACEIS deve priorizar o desenvolvimento de soluções inovadoras para seus clientes”.

CACEIS e Bitstamp

Há algum tempo, o CACEIS fez uma parceria com a Bitstamp, para permitir que os promotores de fundos aceitem investimentos em Bitcoin de clientes de varejo e corporativos, abrindo novas oportunidades para os gestores de fundos. Isso permite que os investimentos em Bitcoin sejam feitos em um ambiente totalmente regulamentado.

“A indústria do Bitcoin está se expandindo não só geograficamente, mas também em termos de sua base de usuários, razão pela qual estamos vendo tantos desenvolvimentos no espaço de investimento corporativo”, disse Nejc Kodrič, CEO da Bitstamp. “Os investimentos em Bitcoin agora podem ser feitos dentro de um quadro totalmente licenciado e regulamentado.”

Enquanto isso…

Para a frente é que o mundo anda, porem o Brasil continua parado, aparentemente sem tomar conhecimento do poder  e transparência que a Blockchain poderia trazer para o governo do país. Ate quando?

Publicidade

Publicidade

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment