Cazaquistão lança Blockchain para valores mobiliários

O Banco Nacional do Cazaquistão anunciou o lançamento de uma plataforma de blockchain para negociação de valores mobiliários.

Publicado em 13 de junho de 2017 por

O Banco Nacional do Cazaquistão anunciou o lançamento de uma plataforma de blockchain para negociação de valores mobiliários. Isso foi relatado pela revista ForkLog

O Banco Nacional do Cazaquistão deverá lançar no segundo semestre de 2017 uma plataforma de blockchain pra o comércio varejista com obrigações de curto prazo.

Publicidade

Publicidade

A nova solução baseada em blockchain permitirá aos investidores de varejo online ignorar os intermediários e, usando apenas um smartphone, trocar notas de curto prazo, com as taxas do Banco Nacional com um valor nominal de 100 Tenge (cerca de US$ 0,3).

“Os assentamentos nas operações conduzidas serão realizados usando dinheiro eletrônico”, afirmou o Banco Nacional em comunicado.

De acordo com o Banco Nacional do Cazaquistão, no futuro, esta tecnologia deverá ser usada para colocar valores mobiliários dentro do IPO (Oferta Publica Primaria).

Publicidade

Publicidade

O Banco Nacional do Cazaquistão realiza leilões diários para a venda de papéis de curto prazo com vencimentos para uma semana até um ano, que geralmente são comprados pelos bancos e fundos. Em seu último leilão na segunda-feira, o banco publicou papéis de sete dias, no valor total de 226,4 bilhões de Tenge (US$ 717 milhões) com um rendimento de 9.8946%.

O Banco Nacional do Cazaquistão planeja apresentar vários projetos relacionados a criptografias ainda este ano. Em abril, tornou-se publico que, no Cazaquistão, eles estão trabalhando com a possibilidade de transferir a contabilidade do IVA (imposto sobre valores mobiliários) para uma blockchain.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment