Chronicled lança drone baseado em blockchain

A automação da blockchain reduzindo custos e problemas

Publicado em 19 de outubro de 2016 por

Chronicled é uma empresa baseada em San Francisco, fundada em 2014 por Ryan Orr, Sam Radocchia, Maurizio Greco e Dave Aho. Ela trabalha na concepção de um registo baseado em blockchain para a Internet of Things(IoT). Atualmente, a Chronicled, está desenvolvendo “soluções turn-key” que permitem que propriedades físicas se conectem com segurança a uma blockchain.

O protótipo de robô tem um chip de identidade, BLE, registrado na blockchain, criada dentro da blockchain do Ethereum. “Isso permite ao drone se ‘auto conectar’ a uma janela controlada por computador e ter acesso a uma residência privada, a fim de entregar um pacote”, disse a Chronicled. O computador verifica a autenticidade do drone. Em seguida, a plataforma de verificação pede ao dispositivo para assinar criptograficamente um número aleatório, que é comparado com a chave publica previamente registrada do drone na blockchain.

No vídeo abaixo, a Farmácia Wallmeds, conectada ao drone da blockchain Ethereum entrega um pacote para um cliente.

Não só isso, mas o protocolo blockchain da Chronicle permite que qualquer objeto físico registrado seja autenticado na blockchain Ethereum. O engenheiro, Maksym Petkus disse que o drone é um dos primeiros experimentos de seu tipo.

“Até onde sabemos, este é o primeiro uso da tecnologia blockchain em interação com um objeto e controle de acesso físico dinâmico em tempo real. Em uma versão futura, podemos atribuir ao drone uma carteira digital, para que ele possa enviar e receber micro pagamentos. Por exemplo, o drone poderia fazer um pagamento para aceder a uma plataforma de aterragem equipado com uma estação de recarga da bateria”.

A automação da blockchain reduzindo custos e problemas

No momento, a Chronicled concentra a maior parte de sua atenção no processo de autenticação de blockchain para produtos de luxo. Por ora, o experimento a demonstração do drone existe porque a empresa está planejando alavancar sua tecnologia em aplicações futuras. De acordo com o CTO, Maurizio Greco, o teste do drone era parte de uma “semana de hack”, que contou com a participação de alguns engenheiros. 

A Chronicled diz que, a tecnologia blockchain, é a chave para a criação de um sistema de entrega mais barato e mais eficiente. A startup disse que, “28% do custo de entrega total de um negócio vem da “última milha”, que é uma experiência de entrega sem atrito que ajuda a aperfeiçoar a eficiência e cortar custos, especialmente com relação à entrega no mesmo dia on-demand, o que é chave da tecnologia”. Em essência, devido à natureza descentralizada da plataforma qualquer indivíduo pode registrar um drone conectado ao protocolo de contabilidade distribuída.

Chronicled pensa num caminho para um mundo conectado e autônomo.

A empresa acredita que sua demonstração é uma introdução a um mundo futurista, cheia de veículos autônomos. Isso fará com que os chips de identidade da Chronicled sejam executados em firmware personalizado, e que estejam disponíveis para qualquer pessoa interessada em obter a propriedade física digitalmente. A startup diz que eles criaram a primeira “Internet Inter operável, criptograficamente segura do ecossistema.”

Publicidade

Publicidade

“Até agora a nossa relação com nossas coisas tem sido algo reminiscente a de pais com uma criança”, diz o Engenheiro Allen Sogis-Hernandez da Chronicled, “as coisas são bonitas, nós à adoramos, mas elas não têm uma identidade, e elas são impotentes. O Protocolo da Internet of Things pode mudar isso, permitindo que as coisas ganhem vida própria, uma identidade segura, carteira, e reputação, todos os precursores de coisas sendo capazes de se auto autenticar, cooperar e realizar transações sem assistência humana “.

Este mundo da automação, verificação baseada em AI e da Internet of Things; está chegando. Nesta paisagem tecnológica, a blockchain está mostrando sua importância. A Chronicled está muito satisfeita com a experiência e acredita que a tecnologia de contabilidade distribuída é um “fator essencial que permitirá uma nova economia na Internet of Things, interoperáveis a surgir.” A empresa está bem no seu caminho e com esta missão já levantou US $ 4,83 milhões até agora para produzir resultados.

Isso até que seu sistema seja hackeado, ou, pior, comprado por exércitos aliados, ou não; e esse sistema seja usado para enviar bombas a presidentes de amigos e inimigos, daí então vem a questão: Muita coisa pode ser criada, mas elas realmente deveriam ser?

Publicidade

Publicidade

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment