Coinbase recebe permissão para fornecer serviços de custódia a ativos criptomonetários

O Escritório de Regulação e Supervisão Financeira da Grã-Bretanha (FCA) emitiu uma licença para a maior plataforma norte-americana de Bitcoin que permite operações com dinheiro eletrônico (E-money).

Publicado em 24 de outubro de 2018 por

A Coinbase, principal corretora dos EUA, recebeu aprovação da Autoridade de Serviços Financeiros do Estado de Nova York (NYDFS) para estabelecer a unidade de custódia Coinbase Custody Trust Company LLC. A nova organização fornecerá serviços para o armazenamento qualificado de Bitcoin, Ethereum, Litecoin, Bitcoin Cash, Ethereum Classic e XRP.

Digna de nota é a inclusão de tokens XRP nesta lista: rumores sobre sua provável adição à Coinbase existem já há bastante tempo, mas oficialmente, nem a bolsa nem a carteira os suportam.

Asiff Hirji, Diretor de Operações e Presidente da Coinbase, falou positivamente sobre a decisão e chamou a NYDFS de “defensora do crescimento responsável da indústria criptomonetária”.

“O estatuto de trusts com funções limitadas do estado de Nova York permite que a Coinbase Custody atue como um custodiante qualificado de ativos criptomonetários. Ao mesmo tempo, estamos sujeitos aos mesmos requisitos das instituições financeiras já estabelecidas do estado de Nova York”, afirmou Hirji.

Vale notar que a Coinbase está aguardando aprovações regulamentares para vários outros novos serviços. Em junho, a empresa anunciou sua intenção de obter uma licença de corretora oficial, uma licença para sistemas de negociação alternativos e uma licença para fornecer serviços de consultoria financeira.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment