Cresce o numero de carteiras de Bitcoin ativas

Publicado em 11 de abril de 2017 por

Novos estudos feitos pela Universidade de Cambridge mostram que o numero de carteiras  de Bitcoin únicas ativas a partir de 2017 oscilou entre 5,8 milhões e 11,5 milhões. Esses indicadores são semelhantes, guardadas as devidas proporções, ao numero de carteiras ativas em 2013, que estavam entre 0,6 milhões e 2,6 milhões.

O numero total de carteiras, incluindo as inativas, em 2013 estava estimado em 8,2 milhões, mas em 2016, esse numero mais que quadruplicou, chegando a quase 35 milhões.

screenshot-www.jbs_.cam_.ac_.uk-2017-04-11-17-31-00-1024x622-min

Um relatório chamado Global Cryptocurrency Benchmarking Study foi preparado pelo Centro de Finanças Alternativas da Universidade de Cambridge, em conjunto com o sistema de pagamento Visa.

De acordo com a equipe chefiada pelo Dr Garrick Heilman, este é o primeiro documento que analisa de forma abrangente a crescente indústria da criptomoeda e seus principais ativos face às carteiras, fornecedores de carteiras, plataformas de pagamentos e mineiros.

screenshot2-min

Publicidade

Entre outros números notáveis, 81% dos fornecedores de carteiras são baseados na América do Norte e Europa, mas apenas 61% dos usuários (31% na Europa e 30% na América do Norte) estão nessas regiões. 20% dos usuários vivem na região Ásia-Pacífico e outros 13% na América Latina.

Outra conclusão importante do estudo foi que 73% dos próprios usuários controlam as chaves privadas de suas carteiras, e em apenas 15% dos casos este importante aspecto da segurança dos fundos está também nas mãos de terceiros. Os restantes 2% dos utilizadores optam por conceder o controle total sobre as chaves aos fornecedores ou ter outros responsáveis pela sua segurança.

As carteiras mais utilizadas atualmente são as oferecidas por aplicativos para dispositivo móvel (65%). Os aplicativos para dispositivo desktop são oferecidos por 42% dos provedores, aplicações web 38%. Quase um quarto de todos os provedores (23%) oferecem aos usuários carteiras de hardware.

Ao mesmo tempo, mais de metade de todos os fornecedores de carteiras – 56% – não se limitam ao armazenamento de criptografia e oferecem funções e serviços adicionais, por exemplo, compra instantânea, inclusive para moedas nacionais.

Publicidade

Somente para recordarmos, no início de abril, em Berlim aconteceu a primeira reunião de desenvolvedores de carteiras para criptomoeda. Em seu curso, questões relacionadas à conveniência do uso de carteiras, a unificação dos padrões da indústria e questões de segurança foram os principais temas discutidos.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment