Desenvolvedores do Bitcoin Core atacam o Bitcoin Unlimited

Em mais um capitulo da Guerra civil do bitcoin, o bitcoin core que começa a ficar na desvantagem ataca covardemente e a rede BU. Agora na pool próxima!

Publicado em 14 de março de 2017 por

Será que o Bitcoin Core esta sendo gerenciado por crianças birrentas?  À medida que as pessoas e mineiros começam a apoiar e adotar o Bitcoin Unlimited (BU), o Bitcoin Core decidiu atacar a rede.

Um bug no overlay do client xThin foi explorado, em vez de profissionalmente e racionalmente revelado, para enviar Bitcoin Unlimited nodos defeituosos. Os mineiros não foram afetados, pelo que se sabe, mas os nós de mineração estão afundando como rochas.

Publicidade

Publicidade

A história está se desenvolvendo. Os desenvolvedores do Bitcoin Unlimited estão muito ocupados com o assunto e vêm com uma solução para responder a nós ou ao público neste momento, mas escrevemos apenas horas antes deste ataque que os adeptos do Bitcoin Core estavam ameaçando com explorações de bugs. Especificamente, uma pessoa que passa pelo nick de “ciphera” declarou:

“Executando meu fuzzer na diffs BU tem de Core, e já têm alguns acidentes. Esperemos que alguns deles sejam exploráveis. Vamos coletar tantos dias-zero para liberar no momento mais oportuno possível.”

É de impressão de canais de mídia, de que a Ciphera é Eric Lombrozo, um proeminente desenvolvedor do Bitcoin Core e um porta-voz do client do Bitcoin Core.

Ele tem sido um partidário muito ativo do Bitcoin Core e sua empresa, Ciphrex, vocalmente defendendo blocos completos e um sistema de liquidação. Agora, ele parece ter caído moralmente tão baixo, a ponto de prejudicar a decisão livre das pessoas, e com isso forçar a aceitação do protocolo SegWit, mas será que um protocolo que precisa de uma jogada tão suja merece ser ativada no Bitcoin, uma moeda livre?

Ele está usando o manual de ninguém menos do que John Dillon, que ele mesmo diz “meu trabalho diário envolve inteligência, e eu estou em uma posição relativamente alta.” Em uma conversa vazada e autenticada em 2013 entre Peter Todd e John Dillon onde eles Discutem “Se eu fosse o governo dos EUA e tivesse cooptado o” núcleo “da equipe de desenvolvimento do Bitcoin, você sabe o que eu faria?” – Dillon afirma:

“Toda vez que alguém tentava executar mineração com um cliente alternativo, eu usaria meu conhecimento de todas as maneiras pelas quais eles são incompatíveis para forka-los, deixando claro que eles não são confiáveis para a mineração… Tudo o que eu teria que fazer era mantê-los marginalizados e a maioria do poder de hashing usando a implementação oficial aprovada deslizará o erro de consenso estranho em seu código”.

Depois de quatro anos, agora temos desenvolvedores do Bitcoin Core – que aumentaram as taxas de transação para não serem competitivos com o PayPal, que criaram atrasos nas transações que causam frustração aos usuários – atacando sem o mínimo de vergonha o dinheiro das pessoas.

Bitcoin Core, você se comporta pior do que exércitos de infantaria. Você deseja nos aprisionar. Você deseja nos encadear. Você nos proíbe, nos censura, nos ataca. Você deseja centralizar o Bitcoin em suas próprias mãos, onde você pode usar os bugs que você tem provavelmente escondido nos clients do Bitcoin como um meio de controle. Vocês se tornaram o establishment do Bitcoin.

Vocês não podem ganhar. O Bitcoin passará este teste. O Bitcoin irá resistir a este ataque. Este muro artificial será derrubado, seja no próprio Bitcoin ou através de outra, talvez melhor, moeda digital. Essas correntes serão quebradas. Liberdade, se a história tem alguma palavra, triunfará.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment