Na noite de 13 para 14 de novembro, mais de 3200 carteiras de usuários foram devastadas por intrusos como resultado da vulnerabilidade da carteira de BTG, a Mybtgwallet – a única até o momento.

A equipe do Bitcoin Gold anunciou uma atualização de rede, após o que, espera-se que a criptomoeda da plataforma se torne menos vulnerável a ataques de hackers.

O hardfork deve tornar a extração de moedas não lucrativa por meio de mineradoras ASIC. O planejado é que isso seja alcançado através da adição de novos parâmetros ao algoritmo da rede Bitcoin Gold.

Representantes do projeto ainda não mencionaram a data do hard-fork, mas observaram que a maioria dos componentes necessários já está pronta e agora passa por testes.

Lembre-se que, o Bitcoin Gold surgiu em outubro de 2017 como resultado de um dos muitos forks da rede do Bitcoin. O algoritmo de Equihash que baseia a plataforma deveria tornar a rede independente dos mineradores ASIC.

Vale ressaltar que em maio, um mineiro desconhecido realizou um “ataque de 51%” na rede Bitcoin Gold, o que lhe permitiu roubar cerca de 388 mil moedas das corretoras.