Deutsche Bundesbank testa blockchain

Para o Banco Central da Alemanha, Deutsche Bundesbank, a blockchain provou ser uma tecnologia promissora, apesar de um pouco complicada.

Publicado em 1 de fevereiro de 2017 por

Para o Banco Central da Alemanha, Deutsche Bundesbank, a blockchain provou ser uma tecnologia promissora, apesar de um pouco complicada.

No final de novembro, o Deutsche Bundesbank anunciou que estava trabalhando, com a operadora de câmbio Deutsche Börse, em um teste de negociação de valores mobiliários, usando uma blockchain como meio de troca de títulos digitalizados, ao mesmo tempo que cria um registro dessas transações. Na época, o banco central descreveu o teste como “um estudo puramente conceitual”.

Publicidade

Publicidade

Novos comentários do membro do conselho executivo do Bundesbank, Carl-Ludwig Thiele, lançaram alguma luz sobre os resultados desses testes. Thiele estava falando durante uma conferência do G-20 sobre tecnologia financeira e inovação, um evento que viu membros de diversos bancos, incluindo o presidente do Bundesbank, Jens Weidmann, e o diretor do Bank of England, Mark Carney, sobre a tecnologia.

Enquanto Weidmann e Carney falavam superficialmente sobre o tema, foi Thiele que se aprofundou um pouco mais em alguns dos trabalhos que o Bundesbank vem empreendendo usando blockchain.

De acordo com Thiele, o sistema “funciona”, mas exigirá algum refinamento e alegando que talvez ele nunca chegue a um ponto de escala comercial, descrevendo-o como “longe de estar pronto para o mercado”.

Ele disse aos participantes:

“Nosso estudo conceitual mostra que a tecnologia blockchain pode ser adaptada para atender às necessidades e exigências atuais do sistema financeiro. O protótipo funciona. Tendo dito isso, o seu desenvolvimento para uso em massa ainda apresenta muitos desafios”.

Embora não tenha explanado sobre quais são esses desafios, Thiele questionou se o protótipo, na sua forma atual, poderia ser usado em uma escala mais ampla ou se valeria a pena seu custo no longo prazo.

Dito isto, Thiele indicou que o Bundesbank continuaria a refinar o protótipo e reunir dados.

Concluindo, ele disse que: “Com este ponto de partida, pretendemos desenvolver um protótipo tecnicamente mais sofisticado, capaz de fornecer informações sobre o desempenho técnico e, assim, permitir a comparação com a nossa atual infraestrutura de liquidação”.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment