Dez caixas ATM de Bitcoin foram roubadas desde 2015

Publicado em 30 de janeiro de 2017 por

Pelo menos dez caixas eletrônicos de Bitcoin (ATM de Bitcoin), também conhecidos como máquinas de transação de Bitcoin, foram relatadas como roubadas nos últimos dois anos. Mais recentemente, em uma primeira ocorrência no Canadá, uma máquina de transação da Lamassu Bitcoin foi roubada no último domingo à noite de sua localização em Montreal. No total, as dez máquinas somam um total aproximado de US$ 40.000 de hardware.

Maquinas arrastada por correntes

Pelo menos um suspeito invadiu uma mercearia em Ahuntsic-Cartierville, Montreal, onde uma máquina produzida pela Lamassu estava em 22 de janeiro aproximadamente às 22:30. Os ladrões quebraram a porta de vidro da mercearia Euromarché Latina 80, localizada na Laurentien Boulevard com Rue de Louisbourg, colocaram a mesma um veiculo e fugiram.

Publicidade

Publicidade

Um Representante da Lamassu, Neal Conner disse: “Esta máquina foi sujeita a um vetor de ataque comum contra ATMs tradicionais: uma corrente foi enrolada em torno dela e um veículo arrastou-a para fora, arrancado-a do chão onde era fixada”, como faziam no velho oeste. O assalto ocorreu pela porta da frente do mercadinho.

Montreal tem crescido como um “hub de blockchain”. A embaixada do Bitcoin na cidade nomeia a si mesma de o “primeiro hub da tecnologia de blockchain do mundo”. Há 32 máquinas de Bitcoin em Montreal, as quais estão distribuídas em toda a cidade. A maioria deles está localizada no bairro de Ahuntsic-Cartierville, onde a ATM de Bitcoin foi roubada e até ontem a noite não havia sido encontrada.

Até o momento, foram relatados roubo de dez ATM de Bitcoin

Os caixas eletrônicos de Bitcoin roubados no passado incluem pelo menos três outras máquinas Lamassu, três máquinas da General Bytes e duas máquinas da BitAccess, de acordo com dados disponibilizados pelo portal de informações da indústria Coinatmradar.

Uma máquina Lamassu localizada na Village Smoke, em Atlanta, operada por Coinfucius, foi roubada em um incidente no final de 2015 envolvendo disparos, porem sem vitimas. O assaltante pôde ser visto planejando próximo à pequena máquina Bitcoin, depois de desconecta-la, ele a levou para fora onde um comparsa estava esperando.

Assim que este viu seu parceiro saindo com a maquina, o segundo homem disparou sua arma em direção ao chão para inibir qualquer tentativa de resgate da pobre ATM.

Uma outra máquina de Lamassu foi roubada do Stadscafe de Waag, nos Países Baixos. Além disso, uma máquina não disponível ao público no escritório da Holanda Bitpay, foi roubada de acordo com a Coinatmradar.

Três caixas eletrônicos da General Bytes, um produtor com sede na Europa, foram roubados. Um, localizado em Norwalk e operado pela Coinplug, foi roubado da loja Boost Mobile. Duas máquinas de General Bytes foram roubadas em Dallas, ambas operadas pela “BTC Vending.” Uma delas estava localizada na loja Better Bright LED Lighting, enquanto a outra em um posto da Shell.

Duas máquinas Bitaccess foram roubadas nos EUA e na Europa. Uma máquina, operada pela Easybit, foi roubada do Warie’s Thai Restaurant, na Holanda. Uma segunda, operada pela Coin Cloud, foi roubada de uma parada da Smoke Shop Vapor e Acessórios em Albuquerque.

Produtores e operadores de ATM

A própria indústria de Bitcoin ATM é composta por aqueles que projetam aplicativos de software e hardware para comprar e vender Bitcoins localmente (produtores) e aqueles que compram máquinas de produtores e implantam redes de ATMs de Bitcoin (operadores).

Com 191 máquinas implantadas globalmente (nem todas estão atualmente operacionais), a Lamassu ocupa a posição de segunda maior produtora de ATM de Bitcoin no mundo. Os operadores da empresa têm máquinas de Bitcoin implantadas em todo o mundo, incluindo Canadá, Reino Unido, Estados Unidos e Vietnã, e outras regiões, localizadas em postos de gasolina, mercearias e cafés. Os operadores têm “controle total” das chaves back-end e privadas da máquina.

A Instacoin operou a máquina roubada no domingo. A empresa canadense tem máquinas implantadas exclusivamente no Canadá, permitindo que você compre e venda Bitcoins com dólares canadenses. A Lamassu disse que está oferecendo suporte total ao Instacoin na vigilância contra roubos.

ATMs de Bitcoin são uma indústria crescente

No total, as maquinas roubadas são avaliadas em algo em torno de 40 mil dólares. As máquinas de transações da Bitcoin também foram vítimas de vândalos na região centro-oeste dos EUA nos últimos tempos.

Como os caixas eletrônicos de Bitcoin são uma indústria nova e em crescimento, ainda haverão muitos mais casos como esses, com esses eventos a segurança dessas maquinas e seus locais de fixação serão alvo de melhorias.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment