Especialista em criptomoedas do Credit Suisse torna-se principal gestor do Morgan Stanley

O grupo de analistas da holding bancária americana Morgan Stanley, sob a liderança de James Fosset, conduziu um estudo que chegou à conclusão de que o valor real da Primeira Moeda pode ser de US$0.

Publicado em 2 de agosto de 2018 por

O holding americano Morgan Stanley nomeou Andrew Peel como chefe da divisão de mercados de ativos digitais. Anteriormente, Peel atuava como vice-presidente de vendas e inovação do banco Credit Suisse. Isso foi relatado pela Finance Magnates.

Andrew Peel tem 12 anos de experiência em negociação. Em seus últimos cinco anos no Credit Suisse, ele atuou como especialista no comércio de criptomoedas. Adicionalmente, desde 2013, Andrew Peel vem posicionando-se como “defensor de criptomoedas”.

Vale notar que o Morgan Stanley ainda não anunciou a introdução de novos serviços no campo de criptomoedas. No ano passado, no entanto, analistas do holding bancário publicaram um relatório sobre os potenciais benefícios dos ativos digitais para o setor financeiro.

Neste contexto, em março, especialistas do banco fizeram uma comparação entre o rápido aumento em popularidade do Bitcoin e o boom das dotocoms. De acordo com o relatório, atualmente o movimento da taxa do Bitcoin repete quase completamente o Nasdaq Composite Index na véspera de e depois de 2000, mas 15 vezes mais rápido.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment