A iniciativa CryptoCurrencies & Contratos (IC3), um grupo focado em blockchain, conseguiu seu primeiro membro financeiro na forma do fundo baseado em Boston, o Fidelity Investments.

A Fidelity Investments, que gerencia ativos no valor de US$2,5 trilhões, publicou um anúncio envolvendo a busca por desenvolvedores para criar uma corretora criptomonetária. Isso foi relatado pelo Business Insider.

Atualmente, a empresa está à procura de pessoal adequado, incluindo engenheiro de sistemas e desenvolvedores para o projeto que se constitui na criação e implantação de uma plataforma de negociação de ativos digitais. A julgar ainda por outro anúncio, a instituição também está trabalhando em soluções para o armazenamento de criptomoedas.

Segundo representantes da Fidelity, o lançamento bem-sucedido desses produtos permitirá à plataforma competir com grandes players do mercado, como a Coinbase (que vem cooperando com a Fidelity desde o último verão), a Kraken, a Bitfinex e a corretora Robinhood (que conta com um aplicativo de negociação e um público de cerca de 1 milhão de usuários), bem como acelerar a crescente integração das criptomoedas ao mercado financeiro tradicional.

“A Fidelity é uma das empresas com as melhores ofertas para os clientes de varejo e deve ajudar a legalizar essa classe de ativos”, afirmou o especialista Dave Weisberger.

O representante da Fidelity se recusou a comentar os planos da empresa para o mercado de criptomoedas. Note que, graças a uma parceria com a Coinbase, os clientes da empresa já contam com a oportunidade de ver informações sobre os ativos nos portfólios de criptos.