Giga Watt oferece mineração economicamente viável para todos

giga watt mining mineracao criptomoedas

Publicado em 20 de agosto de 2017 por

A inovadora solução para mineração de criptomoedas, a Giga Watt, é baseada em East Wenatchee, Washingon (EUA). Nos últimos meses, a Giga Watt tem construído e lançado progressivamente as capacidades de sua estrutura de mineração com megawatts de potência, destinada exclusivamente a hospedar os equipamentos de mineração de seus clientes. Os serviços oferecidos pela Giga Watt tornam a mineração economicamente viável tanto para os mineiros empresariais quanto para os que apenas possuem uma ou duas rigs. O serviço de hospedagem e mineração barata da Giga Watt visa diluir os mercados altamente centralizados das criptomoedas e democratiza-lo, permitindo que até mesmo os donos de apenas uma máquina possam entrar nele.

A estrutura única e patenteada da Giga Watt foi desenhada para servir rigs individuais de mineração e ainda oferecer taxas incrivelmente baixas por seus serviços. Além disso, para aumentar suas operações e oferecer até um preço melhor aos clientes, a o projeto Giga Watt conta com uma parceria com a vendedora de equipamento de mineração de Singapura, a GigaWatt Pte. Ltd., que recentemente completou uma venda de tokens, angariando mais de 22 milhões de dólares. Os recém-criados tokens WTT permitem o uso das características de mineração da estrutura. Com esse arranjo, um mineiro individual pode atingir a eficiência de investidores institucionais.

“A tokenização de nossa infraestrutura de mineração permite que a Giga Watt estenda nossa grande vantagem econômica para qualquer um no mundo, grande ou pequeno, para levar adiante seu próprio negócio de mineração e ter sucesso com nosso experiente time ajudando a montar e gerenciá-lo”, disse Dave Carlson, fundador de CEO da Giga Watt.

Qual é a oferta da Giga Watt?

A Giga Watt provê uma ampla gama de serviços de mineração. Através de seu parceiro GigaWatt Pte. Ltd. ela oferece vários modelos atualizados de mineradoras ASIC ou GPU, os quais são diretamente enviados para a estrutura da Giga Watt em Wenatachee. A Giga Watt também aceita os equipamentos de usuários que já os possuem, hospedando-os pela taxa razoável de US$ 0,075 kWh, o que consiste no preço da eletricidade, manutenção e taxas. Essas taxas são retiradas diretamente das recompensas diárias da mineração.

O acesso aos recursos de hospedagem de rigs da Giga Watt é obtido através dos tokens WTT. Aqueles que conseguiram comprá-los durante a ICO já terminada do token WTT, podem usar seus tokens para hospedar suas mineradoras. Alternativamente, se eles não estiverem interessados em mineração, é possível alugar seus tokens para clientes que não possuem WTT tokens, mas que precisam hospedar suas mineradoras. O casamento de ordens de aluguel e pedidos de uso de WTT token é feito de forma automatica pela plataforma da Giga Watt.

Uma vez que o equipamento de mineração opera 24 horas por dia e 7 dias por semana sobre extrema pressão, falhas e quedas são parte do jogo. O serviço local da Giga Watt minimiza o tempo de baixa, o que garante uma mineração mais eficiente e lucrativa. Caso necessário, os reparos são oferecidos como um serviço à parte, pago separadamente.

A estrutura da Giga Watt está preparada para acomodar qualquer mineradora de Prova de Trabalho, para que seus usuários possam minerar Bitcoin, Ethereum, Litecoin e, a partir de Setembro, Dash, e no futuro outras criptomoedas.

A empresa oferece quatro pacotes padrão de preço, bem como pacotes personalizados para parceiros estratégicos. A Giga Watt também possibilita a acomodação de mineradoras de Altcoins, criação de blockchains privadas e a construção de uma estrutura de mineração em sua localidade.

Os clientes são bem vindos a visitar a estrutura durante qualquer uma das “Open Houses”, visitas regularmente marcadas, para garantir que suas mineradoras realmente estão lá, trabalhando para eles. Para marcar uma visita, por favor, visite.

Para maiores informações sobre a Giga Watt, por favor visite: https://giga-watt.com/

Thiago
Thiago é co-fundador e o suporte técnico, famoso faz-tudo, por trás do BTCSoul. Para ele o interesse nas criptomoedas, Blockchain e Bitcoin se encontra também em seu código.

Leave a Comment