“Guerra Civil” do Bitcoin, o que o SegWit oferece

Publicado em 16 de dezembro de 2016 por

Segregated Witness ou SegWit, uma atualização proposta para o protocolo Bitcoin, pode se tornar a nova iteração do código Bitcoin se 95 por cento do poder hash adotar a solução. A adoção por parte dos mineiros está, atualmente, em torno de 25%, porém, conforme os usuários medem outras opções, esse número pode aumentar ou cair. Tais “opções” são o Bitcoin Unlimited ou Bitcoin Classic, na agora chamada de “Guerra Civil” do Bitcoin pela comunidade.

As características de aprimoramento de privacidade do código SegWit, se adotadas, poderiam ser uma bênção para os preços da Bitcoin em 2017, sugerem proponentes da solução do “tamanho de bloco”.

Publicidade

Publicidade

O investidor de Bitcoin e o empresário, Trace Mayer ressalta como o código SegWit poderia ajudar o Bitcoin a alcançar o que muitos participantes consideravam como um dos primeiros objetivos do projeto: a privacidade financeira.

“O Segwit é extremamente importante por muitas razões técnicas, incluindo a fixação da maleabilidade das transações, o que pavimentará o caminho para maior privacidade, permitindo que o Bitcoin fique oculto em transações fora da cadeia e criptografadas”, observa o criptoempresário de longa data.

Mayer acredita que a privacidade, se aumentada no Bitcoin, poderia abastecer os preços das criptomoedas em 2017. Há algum precedente para a noção. A criptomoeda Monero ganhou impulso e capitalização de mercado em 2016 com base em suas características de privacidade; nomeadamente, seu método de prova de participação possui um consenso anônimo.

Publicidade

Publicidade

“Quanto maior o leque de coisas que se pode fazer, melhores as opções”, Mayer afirma. “Consequentemente, ter a habilidade, mas não o requisito de ocultar-se com o Bitcoin faz com que ele seja mais valioso, porque é uma propriedade adicional que permite mais casos de uso, o que pode estimular demanda adicional”.

Desde que o SegWit é de código aberto, outros altcoins, como o Litecoin, já estão adotando o soft fork, que há muito era considerado a “prata digital” para o “ouro digital” do Bitcoin, no alvorecer das criptomoedas.

O Litecoin logo poderá encontrar interesse renovado, pois implementará o SegWit por meio de soft fork. O SegWit, provavelmente, se ativará no Litecoin por haver menos contenção em sua base de usuários, o que facilita a adoção.    

Os defensores argumentam que o soft fork SegWit resolve muitos problemas técnicos enfrentados pelo ecossistema do Bitcoin, como a maleabilidade de transações, transações off-chain, criptografia e privacidade.

Eles sugerem que um soft fork será uma abordagem mais diplomática para fazer alterações no protocolo Bitcoin do que o radical hard fork, que eles veem como arriscado, apesar de ter todos os mesmos benefícios.

Uma longa lista de empresas reconhecidas do Bitcoin prometeram suporte para a adoção do SegWit, incluindo Airbitz, BitGo, Blockchain.info, BTCC, Mycelium e outros.

Mayer, cujos primeiros investimentos no espaço bitcoin incluem BitPay, Armory, Kraken e outros, vê o SegWit como uma inovação monumental e importante para o futuro do Bitcoin.

“As necessidades mais urgentes no Bitcoin hoje são a escalabilidade, fungibilidade e anonimato”, disse Mayer. “O Segwit é uma inovação tecnológica, e um desenvolvimento tremendamente testado, que aborda e melhora essas três questões centrais. Portanto, podemos ver quem quer que o Bitcoin seja bem sucedido e o preço a subir por quem está ajudando o Segwit a se ativar.

Charlie Lee, fundador / desenvolvedor do Litecoin e diretor de Engenharia da Coinbase, adotou a tecnologia para o Litecoin. Mayer acredita que isso sinaliza que os especialistas acreditam que Segwit é a escolha certa para pôr fim ao debate sobre o tamanho do bloco do Bitcoin.

“O Segwit está sendo lançado no Litecoin e em outras redes que permitem trocas atômicas entre blockchains”, explica Mayer. “Isso aumenta muito a privacidade e a fungibilidade, ajudando os mercados e economias de criptomoedas a ocultarem as transações dos olhos curiosos”.

Os swaps atômicos, também conhecidos como negociação atômica em cadeia cruzada, são uma velha ideia nas criptomoedas e se alinham com os padrões de uso dos numerosos participantes que atualmente especulam sobre um portfólio de criptomoedas, às vezes simplesmente arbitrando movimentos de preços entre as diferentes cadeias.

O comércio atômico também pode envolver os usuários de criptomoedas que desejam simplesmente trocar seus ativos por diferentes moedas, digamos de Bitcoin para Litecoin.

Apesar do fato de que os “swaps atômicos” possam soar um pouco complexos, o código SegWit é elegante, de acordo com os proponentes.

“Segwit é muito fácil de entender e extremamente conciso”, disse Mayer, acrescentando que: “Isso torna a atualização em um soft fork rápido e muito limpo.”

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment