IBM lança BaaS Blockchain Services

A IBM anunciou a implantação de seus serviços blockchain de nível empresarial, permitindo que os clientes desenvolvam, implantem e gerenciem redes blockchain na plataforma cloud da IBM, o programa é chamado de BaaS.

Publicado em 21 de março de 2017 por

A IBM anunciou a implantação de seus serviços blockchain de nível empresarial, permitindo que os clientes desenvolvam, implantem e gerenciem redes blockchain na plataforma cloud da IBM, o programa é chamado de BaaS.

O BaaS (Blockchain-as-a-Service) da IBM é desenvolvido usando código do protocolo Hyperledger (Hyperledger Fabric v1.0) da Linux Foundation, um esforço colaborativo entre as indústrias para a pesquisa e desenvolvimento de blockchain. A IBM é um membro premium do consórcio, contribuindo com fundos e códigos para o grupo de trabalho.

Publicidade

Publicidade

Fundado no início de 2016, o Projeto Hyperledger ganhou 30 membros fundadores (atualmente tem mais de cem membros em todo o mundo) e estabeleceu um Comitê Técnico de Orientação que supervisionaria a direção técnica do projeto e aprovaria contribuições de código técnico.

Um comunicado de imprensa da IBM confirmou que a comissão promoveu a primeira versão do Hyperledger Fabric da incubadora para um estado ativo. A versão mais recente do Fabric, que sempre foi concebido para permitir redes de blockchain a nível empresarial, pode lidar com taxas de mais de 1.000 transações por segundo entre grandes bases de usuários, de acordo com o lançamento.

A blockchain da IBM está hospedada em nuvem e é suportada pela IBM LinuxONE, que a IBM afirma ser o servidor Linux mais seguro de todo o setor. Também foi informado na mídia internacional sobre o lançamento do serviço em sua fase beta em meados de 2016. O Linux One da IBM também é compatível com os requisitos de segurança cibernética de várias indústrias, incluindo saúde, finanças, serviços governamentais e muito mais.

Em fevereiro do ano passado, a IBM revelou seu roteiro para o desenvolvimento de blockchains, já que a gigante da tecnologia deu um salto proativo para se tornar um provedor de BaaS, ao lado de empresas como a Microsoft.

Desde então, a IBM entregou seus serviços de blockchain através de parcerias como Walmart para segurança alimentar; O maior banco do Japão, MUFG, para transações comerciais em um ledger; Um grande banco de varejo para custódia de ativos na China; Financiamento da cadeia de abastecimento na Índia, registros públicos no Quênia, transporte marítimo, entre vários outros esforços. A IBM também está ajudando o contabilista da Wall Street, a DTCC, a mudar para a tecnologia blockchain a indústria de swaps de crédito padrão, que movimenta algo em torno de US$ 11 trilhões.

Como um dos gigantes tecnológicos mais antigos do mundo, a IBM estabeleceu o precedente em apostar grande na tecnologia blockchain.

“A IBM aplicou décadas de experiência na execução dos maiores sistemas de transações do mundo para bancos, companhias aéreas, governos e varejistas, para construir os serviços de blockchains mais seguros para a empresa”, disse Marie Wieck, gerente geral da IBM Blockchain.

Ela adicionou:

“Os serviços de blockchain da IBM foram desenvolvidos com base na Rede de Negócios de Alta Segurança da IBM e foram projetados para organizações que necessitam de redes confiáveis, abertas e prontas para os negócios”.

A IBM Blockchain está agora disponível através de um programa beta, com o ‘Starter Developer Plan’ atualmente livre de custos.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment