ICO Veritaseum foi hackeada, hackers levaram US$ 8,4 milhões

O empreendimento de blockchain de Nova York, Veritaseum, tornou-se mais uma vítima de hackers, tendo perdido mais de US$ 8 milhões que foram injetados por investidores durante a ICO do projeto.

Publicado em 25 de julho de 2017 por

O empreendimento de blockchain de Nova York, Veritaseum, tornou-se mais uma vítima de hackers, tendo perdido mais de US$ 8 milhões que foram injetados por investidores durante a ICO do projeto.

A Veritaseum se posiciona como uma plataforma p2p focada em mercados financeiros e fluxos de capital sem o envolvimento de intermediários tradicionais para este segmento da indústria.

Publicidade

Publicidade

No fim de semana passado, a equipe do projeto liderada por Reggie Middleton, um famoso empresário americano e fundador do blog Boom Bust Blog, realizou a colocação inicial de tokens VERI, criados com base em Ethereum (padrão ERC20).

Durante a campanha, Middleton notou atividade suspeita, conforme relatado na plataforma Slack. No futuro, informações sobre o hacking Veritaseum também apareceram no fórum BitcoinTalk.

De acordo com Middleton, de alguma forma, o hacker (ou um grupo de hackers) conseguiu roubar os tokens diretamente durante a ICO. Como a campanha naquela época estava em estágio ativo e os tokens estavam em alta demanda, o hacker os vendeu imediatamente a outros investidores.

Publicidade

Publicidade

No entanto, de acordo com Middleton, apesar do fato de que, em termos de dólar, o valor roubado seja bastante impressionante e o hacker estava atuando de forma bastante sofisticada, o valor roubado foi de menos de 0,07% do valor total da venda.

Ele também enfatiza que os tokens roubados pertenciam á Veritaseum e nenhum dos usuários sofreu perdas financeiras. Além disso, diz Middleton, o projeto não precisa comprar esses tokens, pois a demanda por eles compensou imediatamente todas as perdas.

Middleton afirma saber de qual vulnerabilidade o hacker aproveitou, porem não divulga detalhes adicionais. No entanto, ele deixou claro que alguns parceiros corporativos da Veritaseum podem estar envolvidos no incidente e que os advogados da empresa investigarão o incidente.

Precisamos ainda salientar o fato de que esta não é a primeira vez, no último mês, que projetos baseados na tecnologia Ethereum são vítimas de hackers.

Na semana passada, a ICO da startup israelense CoinDash foi roubada – os hackers assumiram o controle do projeto do site e, tendo substituído o endereço da carteira Ethereum, para onde os investidores deveriam enviar fundos. Com esse simples ato, eles roubaram mais de US$ 7 milhões.

Também na semana passada, devido à vulnerabilidade carteira Parity de ETH, fundos de varias ICOs foram roubados, incluindo a Aeternity e Satoshi Pie. No total foram roubados cerca de 150.000 ETH.

Publicidade

Publicidade

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment