Iniciativa Oxygen introduz Blockchain Para E-Mobility

Uma carteira eletrônica, Share & Charge, permite que as pessoas compartilhem estações de carregamento com motoristas que pagam pelo uso. Outros casos de uso para serviços de mobilidade serão testados.

Publicado em 10 de março de 2017 por

A Iniciativa Oxygen, um fornecedor de infraestrutura para veículos elétricos, fez uma parceria com a empresa de energia alemã, Innogy SE, visando a introdução de carteiras eletrônicas baseadas em uma blockchain para os condutores de veículos elétricos (EV ou Eletric Vehicles). A iniciativa poderia permitir que os motoristas de EV ajudassem os utilitários a gerenciar a rede de energia de forma integrada atravez de um E-Mobility.

Uma carteira eletrônica, Share & Charge, permite que as pessoas compartilhem estações de carregamento com motoristas que pagam pelo uso. Outros casos de uso para serviços de mobilidade serão testados.

Publicidade

Publicidade

Benefícios do E-Mobility

Stephen G. Davis, fundador e CEO, disse que tecnologias como o E-Mobility poderiam promover a adoção de veículos autônomos de tecnologia limpa (EVA) e veículos elétricos (EVs), o que poderia reduzir o congestionamento e a poluição e fornecerem trajetos mais curtos e menores custos operacionais.

“Estamos animados para fazer a nossa parte pela introdução de tecnologia blockchain no espaço de mobilidade para os Estados Unidos, começando com acesso e pagamento de soluções para estações de carregamento elétrico”, disse ele.

A tecnologia Blockchain oferece pagamentos sem intermediários para estações de carregamento. Esse sistema de pagamento suporta soluções de E-Mobility, conhecidos como autônomos, conectados, elétricos e compartilhadas (ACES) e frotas de veículos autônomos, elétricos e compartilhados (FAVES).

Carros Autossustentáveis

Os carros podem pagar por si mesmos e lidar com transações simples automaticamente. Um veículo autónomo pode conseguir entrar em modo táxi, enquanto o proprietário está no trabalho e voltar quando ele está pronto para ir para casa. O carro poderia coletar tarifas de pilotos e pagar para carregar em si para a comutação de base.

A tecnologia baseada em Blockchain pode permitir que os motoristas de EV empreguem opções de pagamento fáceis de usar, tais como a liquidação em tempo real de portagens, de itinerário peer-to-peer e estações de compartilhamento de carga.

Além de conveniência, a tecnologia poderia permitir que os motoristas de EV ajudassem os utilitários a gerenciar a rede de energia, permitindo que estes veículos pagassem por seu próprio combustível. Utilitários elétricos poderiam compensar os motoristas por adiar sessões de carregamento, e assim, aliviar as redes de energia de carga durante o pico de demanda.

“Em vez de pagar com dinheiro ou cartões de crédito, um veículo poderia vender de volta o excesso de energia durante eventos de preços de pico, pagando, assim, para o funcionamento do mesmo”, disse Davis.

Estações de carregamento interoperáveis

A Iniciativa Oxygen também vai ajudar a resolver o problema de interoperabilidade causada por diferentes tipos de estações de carregamento e sistemas de pagamento para acelerar a adoção do modelo.

Thomas Birr, vice-presidente sênior de transformação, inovação e negócios na Innogy SE, disse que a mobilidade pessoal vai ser autônoma, conectada, elétrica e compartilhada. “A Tecnologia Blockchain vai facilitar as transações eficientes entre todos os intervenientes no setor da mobilidade”.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment