Iniciativa de volta às aulas Blockchain doa bitcoins

Publicado em 24 de setembro de 2016 por

A Rede de Educação Blockchain (BEN) anunciou hoje um airdrop, uma doação indiscriminada, de Bitcoins para quatro Universidades de Chicago. Neste ano a ” Iniciativa de volta às aulas Blockchain” da BEN se espalhou por mais cidades do que nunca para mostrar aos alunos o poder da criptomoeda.

Chicago, estudantes universitários ganham  parcelas de Bitcoin

A primeira experiência de airdrop de bitcoins foi feita em 2014 pelo MIT bitcoin club. Esse ano a BEN quer expandir seu alcance á varias cidades dos EUA. Hoje, o lançamento vai dar bitcoins a alunos da IllinoisTech, universidade de Illinois em Chicago, Depaul e da Universidade de Chicago.

O projeto destina-se a ensinar aos alunos como usar carteiras Bitcoin, executar transações com criptomoedas e entender a tecnologia. A iniciativa BEN explica:

“Em 24 de setembro entregaremos bitcoin de graça para todos! Confira nossa programação e saiba quando estaremos em seu campus (ou se você estiver nas proximidades !!) venha e converse com a gente para obter Bitcoin grátis! Nós vamos ajudá-lo a configurar a sua primeira carteira, e falar sobre como e onde usar Bitcoins.”

Os pessimistas dizem  que airdrops de Bitcoins não são benéficos

A equipe por trás BEN e o Chefe de Eventos para esforços do BEN na área de Chicago, espera que o projeto criptomoeda se torne  mais popular no campus. No entanto, existem aqueles que duvidam desta prática.

Por exemplo, um relatório recente emitido pelo Boston Globe, a despeito de 500 mil dólares doados. O artigo pareceu tendencioso, menosprezando os benefícios da educação em relação à criptomoedaa.

Naquele ano Christian Catalini, professor assistente do MIT que supervisionou o experimento, disse que 3.110 estudantes se inscreveram. Muitos estudantes usaram seus bitcoins para fazer compras e trocá-lo em bolsas. Alguns deles retiraram por completo, e uma boa parte dos alunos apenas guardou os bitcoin na esperança do preço subir. “Eles pensam nisso como um bilhete de loteria”, disse Catalini.

Membro da BEN diz o Boston Globe está confuso

Dean Masley, diretor executivo das iniciativas da BEN, nos dá uma perspectiva diferente afirmando:

“Então eu acho que um monte de gente entendeu errado o sucesso alcançado na distribuição do MIT, eles olham no grande valor liquidado e pensam que foi um fracasso, mas este é um resultado muito bom, os alunos tomando iniciativa de utilizar meios de manter sua moeda liquida e muito melhor que a ignorarem por completo.”

Publicidade

Publicidade

Masley também disse que, “Mesmo os estudantes que venderam seus bitcoins agora têm uma ideia melhor de como funciona, parte do mistério foi esclarecido, eles sabem que é uma moeda com liquidez que se pode converter em dinheiro sempre. Isso é um enorme salto das expectativas para um campus inteiro. Isso torna seu envolvimento com criptomoeda no futuro mais provável uma vez que já conhecem e entendem um pouco sua funcionalidade.”

A coordenação da Iniciativa de volta às aulas Blockchain, da BEN, acredita que o Bitcoin está ganhando força e que ensinar os estudantes é uma excelente maneira de espalhar o seu uso. Hoje em Chicago o clube blockchain no IIT irá ao ar uma transmissão de rádio do evento. Os organizadores esperam que as pessoas ouçam e também que enviem suas perguntas sobre o uso de Bitcoins.

Também acreditamos nos aspectos educacionais de ensinar os alunos sobre os benefícios da criptomoeda. Esperamos que a BEN e os estudantes de Chicago aproveitem as festividades do airdrop de hoje.

Publicidade

Publicidade

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment