Kim Dotcom perde processo sobre extradição para os EUA

Publicado em 6 de julho de 2018 por

O ciber-empresário Kim Dotcom, conhecido pelo Megaupload, perdeu o processo no qual tentou evitar sua extradição para os Estados Unidos. Agora, Dotcom tem uma última chance: a Suprema Corte da Nova Zelândia. Isso foi relatado pela Bloomberg.

O Tribunal de Recurso anunciou que a queixa de Dotcom e de outros três arguidos era insustentável.

“Estamos insatisfeitos com a decisão. Vamos tentar contestá-lo na Suprema Corte da Nova Zelândia”, disse o advogado Ira Rotken no Twitter.

Lembramos que os EUA estão tentando extraditar Dotcom no caso do site Megaupload, no qual o réu e vários ex-funcionários do Megaupload foram acusados de atividades criminosas organizadas, violação de direitos autorais e lavagem de dinheiro. O dano total, de acordo com os procuradores do Estado, é de US$175 milhões.

O ciber-empresário foi detido em 2012 em Auckland. No entanto, os arguidos nunca admitiram a culpa deles.

Vale notar que, apesar de todos os litígios e acusações, recentemente Kim Dotcom apresentou uma nova startup de Blockchain (K.im). Ele promete que, com a ajuda do projeto, usuários poderão contornar a censura e as restrições dos governos em seus países.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment