Leningrado oferece facilidades para instalação de fazendas de mineração

Nem bem ficaram sem lugar, e já começou a guerra para ver quem mais atrai fazendas de mineração. A Rússia, que afirmou ter a pretensão de se tornar o maior produtor mundial de criptomoedas, já está lançando suas cartas.

Publicado em 22 de setembro de 2017 por

Nem bem ficaram sem lugar, e já começou a guerra para ver quem mais atrai fazendas de mineração. A Rússia, que afirmou ter a pretensão de se tornar o maior produtor mundial de criptomoedas, já está lançando suas cartas. Dessa vez, foi o governo de Leningrado que convidou representantes da indústria para uma reunião na qual disponibilizou tanto um local quanto energia barata para que as fazendas fossem implantas em seu estado.

O governador da região russa de Leningrado, Alexander Drozdenko, está convidando os mineiros de criptografia a criar fazendas de mineração na região, de acordo com publicações locais. No terceiro fórum anual para as pequenas e médias empresas (PME) da região denominadas “Energia de Oportunidades”, que teve lugar na semana passada, ele propôs que a primeira Usina de Energia Nuclear de Leningrado (LNPP) pudesse ser usada para criar fazendas de mineração de criptomoedas. O evento contou com a participação de 600 empresários e representantes das agências federais.

A região de Leningrado é limitada pela Finlândia no noroeste, Estônia e São Petersburgo no oeste. A primeira LNPP da região, que foi inaugurada em 1974, está localizado na cidade de Sosnovy Bor. Atualmente, a segunda usina de energia nuclear (LNPP-2) está sendo desenvolvida ao lado dela.

O governador Drozdenko observou que “para a produção de Bitcoins, em primeiro lugar, são necessárias grandes áreas para processamento e energia elétrica barata”. Seu escritório já esteve em discussão com Alexey Likhachev, diretor-geral do Rosatom State Atomic Energy Corporation, bem como outros diretores do Rosatom sobre como “a energia liberada da NPP de Leningrado pode ser usada como um parque tecnológico projetado para energia barata”, revelou. Com sede em Moscou, o Rosatom é o órgão regulador do complexo nuclear russo que administra todos os ativos nucleares da Federação Russa, tanto civis como militares.

É assim que as coisas são, grandes players da indústria de mineração não vão deixar de lucrar simplesmente porque um governo pode decidir que a mineração é ilegal, o curso de ação deles é simples: procurar lugares mais amigáveis e mudar antes que o governo chinês possa realmente causar-lhes prejuízo.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment