Máquina de Apostas baseada em Blockchain posicionada!

Recentemente surgiram notícias de que um dos cassinos off-line posicionaram um modelo de teste do primeiro caça-níqueis do mundo a funcionar com tecnologia de Blockchain.

Publicado em 10 de Janeiro de 2018 por

Recentemente surgiram notícias de que um dos cassinos off-line posicionaram um modelo de teste do primeiro caça-níqueis do mundo a funcionar com tecnologia de Blockchain. O terminal de estilo futurístico desenvolvido pela SmartPlay.tech representa a realização via hardware da roleta europeia clássica.

Muitos cassinos online já mudaram para criptomoedas e investem milhões de euros no mercado de rápido crescimento do Bitcoin. Para exemplificar, vale ressaltar a plataforma PlayAmo, que gastou cerca de US$2,5 milhões para se expandir para serviços e incluir ofertas de pagamentos em Bitcoins na forma de promoções e bônus a seus usuários.

De acordo com o recurso analítico internacional TheBitcoinStrip, cerca de 60% das transações atuais na rede do Bitcoin são ocupadas por apostas, sendo que o número de transações feitas por apostadores por segundo já excedeu a marca de 337.

Tal popularidade das criptomoedas nas apostas é causada pela ausência de comissões adicionais, segurança de fundos e saques ilimitados. Pode a aparição do Bitcoin reverter completamente o modo como os usuários veem os cassinos?

A companhia SmartPlay.tech respondeu a esta questão, desafiando as formas tradicionais de apostas: “em ordem de revolucionar completamente a indústria de apostas, é necessário integrar novas gerações de tecnologias – tais como a Blockchain e a Lightning Network –, que tornarão os cassinos mais ativos e lucrativos aos operadores e atrativos aos jogadores. Nós possuímos a solução técnica baseada em um software pronto, que podemos oferecer aos grandes players no mercado off-line em forma de um equipamento completamente conhecido.”

A equipe do projeto já anunciou sua intenção de lançar uma linha completa de máquinas SmartBox, às quais outros jogos podem ser conectados, como por exemplo, caça-níqueis, blackjack, bingo ou poker. Agora, a companhia está no estágio de negociações com estúdios de design de jogos e desenvolvedores de caça-níqueis. Para o propósito da expansão da presença no mercado, está em andamento o processo de registro legal de atividades do projeto.

A configuração básica dá máquina SmartBox inclui uma tela touch screen, um terminal para depósito de dinheiro fiat e um scanner QR para a conexão de carteiras criptográficas. O software de apostas foi desenvolvido sobre a tecnologia de Blockchain, e tem sido testado com êxito nos produtos SmartPlay.tech. Em particular, um modelo de eficiência operacional que assegura que os lucros dos cassinos sejam sempre maiores que seus custos ao otimizar as comissões de transações para que elas custem o valor mínimo de mercado de apenas alguns centavos foi comprovado na prática.

A primeira amostra da máquina já foi posicionada e testada em um cassino com o objetivo de medir os indicadores de performance da tecnologia de Blockchain na economia real de um estabelecimento de apostas. Juntamente ao teste planeja-se obter dados reais – tempo de jogo, média gasta, retornos, número de jogadores – e também estabelecer um retrato do consumidor alvo. No caso de experimentação bem-sucedida, a produção em massa da máquina SmartBox será lançada.

“A SmartBox parece muito confiável e eu posso ver que essa tecnologia está avançando, então eu ponho meus polegares acima e espero que todos também possam aproveitar”, diz Philipe Comini, CEO do projeto Gimmer, uma plataforma algorítmica para Bitcoin e outras criptomoedas. “É uma tecnologia muito revolucionaria introduzir a Blockchain ao mundo das apostas e eu estou acompanhando de perto a SmartBox”.

Publicidade

Publicidade

O sucesso preliminar da decisão é condicionado, entre outras coisas, pelos indubitáveis benefícios ao cassino. Afinal, o estabelecimento de apostas reduz significativamente os custos de manutenção de pessoal, automatizando o processo com a ajuda de contratos inteligentes. A SmartBox não precisa de um contador, um caixa, ou mesmo de um croupier, o que salva grandes montantes – de pelo menos US$200 mil – ao longo do ano. Ao economizar dinheiro, o cassino será capaz de pagar apostas mais altas, atraindo um maior fluxo de visitantes.

Atualmente, no curso de testes mais próximos, os jogadores não precisam gastar dinheiro real e não recebem recompensas de verdade. Contudo, após o lançamento em larga escala da SmartBox, apostas e vitórias serão disponibilizadas não apenas em criptomoedas, mas também em parcelas da SmartPlay.tech na forma de tokens RLT.

A propósito, o RLT é automaticamente adicionado como bônus a cada aposta feita, independente do resultado do jogo. Dessa forma, cada jogador pode se tornar um parceiro e receber lucros do crescimento da capitalização da companhia e do rating da criptomoeda. Até o momento, a SmartPlay.tech já pagou mais de US$300 mil a jogadores, e a cotação do token RLT – que pode ser negociado na Exchange LiveCoin – aumentou em 7 vezes em apenas um dia após o lançamento da SmartBox.

Quanto à parcela de mercado demandada pela SmartPlay.tech, o volume de mercado é de 88% no cassino contra 12% para plataformas online. Isso significa que o lançamento do primeiro caça-níqueis criptográfico do mundo e dos tokens RLT possuem grandes prospectos comparados à análogos no mercado de cassinos online.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment