Médias Móveis – cálculo de preço e volume de ativo

No mercado de capitais, nem sempre as coisas saem como esperado. Mesmo estudando o máximo possível a respeito de um ativo e do cenário que o cerca, há sempre a possibilidade de surgir um evento inesperado ou mudança em alguma variável que o afete. Nesse sentido, o mercado hoje disponibiliza diversos recursos que nos ajudam, por exemplo, a minimizar os riscos.  

Publicado em 8 de agosto de 2018 por

Análise Técnica – Médias Móveis

Um recurso bastante fácil de ser utilizado na análise técnica são as médias móveis, que como o próprio nome sugere, faz um média dos preços e volume de um determinado ativo, em um período específico de tempo.

A média móvel é um importante indicador gráfico da categoria dos Rastreamentos de tendência. Sua representação gráfica, normalmente é feita através de uma linha, que se movimenta à medida que cada novo dado é acrescido ao cálculo.

Para calcular a média móvel de um ativo é necessário definir pontos como: 1) tempo; 2) preço, que pode ser o preço de abertura, máxima, mínima, ou o fechamento. O mais interessante a ser escolhido é o preço de fechamento que representa o consenso dos investidores a respeito de um determinado ativo ao final do dia; 3) tipo de média móvel. O indicador comporta vários modelos que são calculados de maneira diferente. Os mais usuais são as médias móveis simples e exponencial.

Porque as médias móveis são indicadores importante

  1. Como o próprio já diz, o indicador é faz uma média de importantes variáveis a respeito de um ativo. Nesse sentido, a média móvel atenua os movimentos dos ativos, eliminando as oscilações mais fortes;
  2. As médias móveis nos ajudam a visualizar a tendência de maneira bem simples. Linhas de média móvel inclinada para cima, tendência de alta; linha de média móvel inclinada para baixo, tendência de baixa.

É interessante perceber que quanto maior for o período considerado no cálculo da média móvel, maior será o prazo de validade da tendência.

  1. A média móvel de ativo pode exercer a função de suporte ou resistência. Basicamente se o preço de um ativo está acima da linha de média móvel, ela funcionará como um suporte. Em caso contrário, a média móvel exercerá a função de resistência.  

Tipos de médias móveis

Média Móvel Simples (MMS) – Para calcular a MMS basta somar um conjunto de valores e dividir pelo número de elementos, tal como especificado pela fórmula:

MMSn=V1+V2+…+ Vnn

n= número de períodos    V = valor

Vale ressaltar aqui, que as médias móveis são chamadas de móveis porque a cada valor adicionado à amostra outro valor é retirado, restringindo o limite de períodos escolhidos. Ou seja: suponha que você que restringiu o tempo em 30 dias. Ao acrescentar dados, o 31º dia, o valor do 1º será retirado do cálculo e o seu período ainda será de 30 dias. Mudando apenas a data de início e final.

Média Móvel Exponencial (MMS) – No modelo MMS, é atribuído ao preço mais recente um peso maior no cálculo do indicador. A fórmula para o cálculo da MMS é um pouco mais complexa, como segue:

MMEn=V1-MME anterior . 2n+1 +MME ANTERIOR

n= número de períodos  V = valor

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment