Mobu, tokens de ações já são uma realidade

Atualmente, o assunto criptomoedas e ICOs estão dando o que falar: vários famosos e influentes indivíduos mundo afora estão adentrando em projetos e criando suas próprias criptomoedas.

Publicado em 7 de agosto de 2018 por

Atualmente, o assunto criptomoedas e ICOs estão dando o que falar: vários famosos e influentes indivíduos mundo afora estão adentrando em projetos e criando suas próprias criptomoedas. Para essas pessoas, no entanto, é relativamente fácil, pois elas contam com diversos funcionários e possuem os recursos necessários para tal.

Por outro lado, para pessoas “comuns”, o assunto se complica um pouco. Ter ótimas ideias não é o suficiente. Lançar uma ICO e ter tokens com real segurança é extremamente difícil por conta dos requisitos e procedimentos técnicos, legais e regulatórios.

Para a sorte de muitos, a plataforma MOBU chegou. Basicamente, a MOBU é uma startup descentralizada que oferece soluções para que projetos de ICO lancem seus tokens compatíveis com as regulações vigentes:

“Como uma plataforma organizadora de ICO, a MOBU oferece uma solução completa de Blockchain para expandir os horizontes e resolver os problemas dos desenvolvedores de criptomoedas que estejam hesitantes e inseguros sobre todos os procedimentos necessários ao oferecer tokens de ações para a comunidade”

Tokens de ações

Uma das dúvidas mais frequentes nas redes sociais da plataforma envolve o porquê as pessoas devem escolher os tokens de ações ao invés dos convencionais. Há vários motivos para isso, e o mercado das criptos está a todo vapor, com novas ICOs surgindo todos os dias e gerando uma explosão de formação de capital. O problema é que aproximadamente 98% dessas ICOs lançam tokens utilitários.

Fica difícil inovar em um mercado assim. Como contraponto a isso, o mercado de valores mobiliários é uma área de extremo valor e atualmente está praticamente intacto – e pode ser um nicho para ótimas oportunidades e rendimento. A MOBU percebeu os benefícios/vantagens e decidiu se concentrar nesse mercado: através de uma plataforma multifuncional descentralizada, a startup lançará tokens de ações. Os tokens de segurança contam com a função de melhoramento dos produtos financeiros tradicionais.

Informações sobre a ICO

As vendas da ICO começarão no dia 1 de dezembro desse ano, a startup está confiante que conseguirá atingir seu Hard Cap que está fixado em US$35 milhões até o dia 31 de janeiro de 2019, que será o momento em que se encerrarão as vendas. O preço do tokens atualmente é de US$0,15 e ele será compatível com o padrão ERC-20.

Distribuição dos tokens

80% se destinarão à angariação de fundos

12% à equipe (congelado por 1 ano)

4% aos consultores

3% para recompensas

1% lançamento de AirDrop

Para mais informações, acesse o site oficial da plataforma MOBU ou visite as redes sociais do projeto:

Instagram | Reddit | Medium | Telegram | Youtube | Facebook

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment