Como resultado da luta dos investidores de uma corretora italiana de Bitcoin que foram vítimas do suposto hacking e roubo de mais de US$170 milhões em Nano, um precedente legal bastante interessante e novo para a criptoindústria pode aparecer.

Enquanto todos os grandes projetos estão em busca de inovação e projetando novas estratégias para 2019, a Nano começa o ano com problemas, seu principal desenvolvedor, Lee Bousfield deixou o projeto.

Contribuições de Lee Bousfield críticas para Nano

Como toda semana, a Nano publica sua atualização semanal dando aos interessados ​​os últimos desenvolvimentos do projeto. Mas esta atualização foi um choque para muitos, pois anunciou a saída do desenvolvedor principal, Lee Bousfiled. O anúncio no post do Medium foi da seguinte forma:

“Com emoções mistas, gostaríamos de informar que Lee Bousfield (PlasmaPower) aceitou uma promoção fora da Nano Foundation. Lee tem sido um grande membro da equipe e forneceu insights valiosos e esforços impressionantes para o desenvolvimento do protocolo principal desde que se juntou à equipe há oito meses. Então, gostaríamos de agradecê-lo por suas contribuições maciças à organização e desejar a ele o melhor em sua próxima aventura! ”

Vulgarmente conhecido como PlasmaPower na comunidade de desenvolvedores, Bousfield havia se juntado à equipe da Nano e seu trabalho principal envolvia cuidar do núcleo Nano e de seu protocolo. Alguns de seus trabalhos com a Nano que podem ser rastreados na internet incluem:

  • nano-vaidade-0.4.7- Geração de endereço Nano com prefixo de escolha
  • ghcl-0.1.1- Clone GitHub
  • nano-work-server-0.1.7- Um servidor de trabalho dedicado para a criptomoeda Nano
  • nanocurrency-protocol-0.5.1- Código do protocolo para a criptomoeda Nano
  • nanocurrency-peering-0.6.0- Código de peering para a criptomoeda Nano
  • nanocurrency-types-0.3.16- Um conjunto de tipos para a criptomoeda Nano
  • intersecções gene-seq-0.3.1-interseções contagem entre genes e seqüências
  • banano-vanity-0.4.2-Gera endereços de criptografia de BANANO com um dado pre

Boulsfield e Nano

Bousfield estava trabalhando com a Nano desde abril de 2018. Ele estava realmente entusiasmado em se juntar à equipe e expressou sua empolgação em meio a um post:

“Estou muito feliz em anunciar que me juntei à equipe Nano Core! Meu nome é Lee Bousfield, mas irei usar meu nick PlasmaPower . Tenho 17 anos e atualmente frequento o ensino médio em Boise, Idaho, EUA. Meu trabalho principal é sobre o nó principal do Nano e seu protocolo. Recentemente, tenho trabalhado para melhorar o RPC (o que os desenvolvedores usam para interagir com nano nodes) e a transição para blocos universais. O bloco canário de análise para a versão 11 acabou de ser lançado, por isso, se você estiver executando um nó, certifique-se de atualizar ”

O anúncio, que veio como uma surpresa, não discute a razão sobre a qual Bousfiled deixou a Nano, embora trate sobre um desenvolvedor de software sênior que deve substituir o antigo dev na equipe já em janeiro.

O ano de 2018 para a Nano foi bem abaixo do esperado, contudo, durante a nossa última analise do ativo, o seu valor havia melhorado, e a previsão era de alta, porém, havia também indicios de queda no volume o que indica perda de força na movimentação.