Opinião: investidores começarão a sair do Bitcoin em US$3 mil

A correção do Bitcoin em 2018 não repetirá cenário de quatro anos atrás devido a significativas mudanças na estrutura do mercado. Esta suposição foi feita pelo analista e investidor de criptomoedas Willie Wu

Publicado em 24 de novembro de 2018 por

Como resultado do colapso ocorrido nesta semana no mercado, a capitalização cumulativa da indústria criptográfica caiu, em 23 de novembro, para US$140 bilhões – cerca de US$700 milhões a menos que o valor registrado em janeiro. Caso os preços continuem a cair, os investidores podem começar um abandono em massa das criptomoedas. Essa opinião foi expressa por Stephen Innes, chefe do departamento de trading da Oanda Corp na região Ásia-Pacífico, em um comentário à Bloomberg.

“Ainda há muitas pessoas neste jogo. Mas se o colapso acontecer, se o preço cair para US$3 mil, tudo terá uma séria reviravolta. Os investidores começarão a sair rapidamente”, acredita Innes.

A curto prazo, de acordo com o analista, o Bitcoin será negociado no corredor entre US$3,5 mil e US$6,5 mil. Ele, no entanto, não exclui que em janeiro de 2019, o preço do BTC pode cair para US$2,5 mil.

Em seu pico de valor durante o início do ano, a capitalização total do mercado criptomonetário era de cerca de US$835 bilhões, e nesta manhã, de “apenas” US$140 bilhões.

 Fonte: CoinMarketCap

Vale ressaltar que recentemente, o Bitcoin caiu em várias corretoras para cerca de US$4 mil: às 5:20h UTC, o preço do ativo na Bitstamp era de US$4.061,02, posteriormente retornando aUS$4,3 mil. Na Bitfinex, o mínimo registrado foi de US$4,21 mil.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment