pineapplefund: ” Filantropo do abacaxi” distribui anonimamente milhões em Bitcoins

A organização sem fins lucrativos “Arquivo da Internet” recebeu US$1 milhão em Bitcoins do fundo de caridade Pineapple.

Publicado em 16 de dezembro de 2017 por

O Bitcoin não apenas concedeu uma tecnologia revolucionária ao mundo, como também várias centenas de pessoas que de repente se tornaram muito ricas. Aqueles que estavam extraindo moedas em seu computador ou compraram a moedas por alguns dólares (ou talvez centavos) dificilmente poderiam ter imaginado que, em alguns anos, seus fundos digitais se multiplicariam várias milhares de vezes.

Às vezes, o contrário também acontece.

Em 4 de dezembro, quando o Bitcoin custava cerca de US$11.315, alguém registrou o domínio pineapplefund.org. No dia 13 de dezembro, uma discussão foi criada no Reddit em que alguém chamado PineappleFund disse que ia doar 5,076 bitcoins (cerca de US$86 milhões) a instituições de caridade.

O “filantropo do abacaxi” diz que dificilmente acredita na realidade do que está acontecendo com o curso do Bitcoin. Ele nunca perseguiu o objetivo de tornar-se mega-rico, então, decidiu sacrificar a maior parte de suas economias digitais, permanecendo completamente anônimo.

O filantropo afirma que estava envolvido no mundo de criptomoedas por vários anos, e agora seu endereço de Bitcoin está entre os 250 mais ricos.

Até agora, o benfeitor financiou seis iniciativas. Em particular, ele doou US$1 milhão para a Watsi, uma tecnologia inovadora de criação de instituições de caridade para financiamento da saúde pública; alocou US$1 milhão para o The Water Project, uma fundação que apoia de forma permanente projetos para combater a escassez de água potável na África; US$1 milhão foi para EFF, projeto que protege os direitos e privacidade dos usuários da Internet, lutando pela neutralidade da rede e muito mais; e finalmente, US$500 mil foram para a BitGive Foundation, projeto para a introdução do Bitcoin e da tecnologia de Blockchain na filantropia global.

O anônimo observa que sua caridade não implica uma distribuição de “Bitcoins grátis”, então ele pede que ninguém o procure por ajuda financeira.

Porque “Pineapple Foundation” (em português “Fundação do Abacaxi”)?

“Eu gosto de abacaxis. A coisa ruim sobre eles é que você não pode comer muito.”

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment