Plataforma Monaco conclui re-branding

A Monaco, plataforma criptomonetária de pagamento sediada em Hong Kong e desenvolvedora do token de mesmo nome (MCO), anunciou a conclusão de seu re-branding e a migração para o novo site Crypto.com.

Publicado em 18 de setembro de 2018 por

A Monaco, plataforma criptomonetária de pagamento sediada em Hong Kong e desenvolvedora do token de mesmo nome (MCO), anunciou a conclusão de seu re-branding e a migração para o novo site Crypto.com.

A empresa concluiu a compra do domínio Crypto.com no início deste ano e, embora o valor não tenha sido divulgado, presume-se que a compra tenha custado vários milhões de dólares.

O lançamento do novo site foi precedido pelo dos cartões de débito Visa vinculados ao token MCO. Na fase inicial os cartões, cujo emissor é o banco alemão Wirecard Bank, serão disponibilizados apenas para residentes de Singapura, sendo que em seguida, eles serão distribuídos em todo o mundo.

“Nosso design de marca com a imagem icônica de um leão de Ethereum branco e azul é projetado para unir todas as opções do nosso portfólio de serviços financeiros de última geração. A marca MCO continua sua vida com cartões Visa e na forma de tokens MCO no domínio Crypto.com”, dizia o comunicado.

Anteriormente, em entrevista ao South China Morning Post, Chris Marszalek, o cofundador e CEO da Crypto.com disse que os cartões de débito Visa emitidos pela empresa se destinam a se tornar uma nova ferramenta no mercado criptomonetário e ocupar um nicho que até agora permaneceu livre.

“Para os proprietários de criptomoedas, a verdadeira tranquilidade é muito importante, o que significa uma capacidade de converter facilmente moedas fiat em criptomoedas ou retirar as mesmas. Nem todas as corretoras suportam a conversão de fiat em criptomoedas e, mesmo que você armazene ativos digitais em corretoras, o processo de retirá-las pode não ser fácil. Acreditamos que nosso produto atende ao que é realmente indispensável e aumenta a confiança nas moedas digitais”, afirmou.

A empresa já obteve uma licença da Autoridade Monetária de Singapura (MAS) para a prestação de serviços de armazenamento de valores, mas também pretende obter licenças para serviços de empréstimo, tanto em Singapura quanto em Hong Kong. Caso esses planos jam implementados, os detentores de cartões da empresa poderão obter empréstimos garantidos pelos ativos criptomonetários suportados pela Crypto.com: além do Bitcoin e dos tokens MCO, estes últimos também incluem Litecoin (LTC), Ethereum (ETH) e Binance Coin (BNC).

Com uma capitalização de 67,9 milhões, o token MCO está no momento na 83ª posição da classificação do site CoinMarketCap.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment