Po.et – publicação protegida de conteúdos digitais

Quase todos os conteúdos disponíveis na internet estão passíveis de apropriação de terceiros. Atualmente é muito fácil pegar uma foto ou parágrafo de um texto e repassar como se fosse o próprio autor.

Publicado em 21 de setembro de 2018 por

Po.et

Quase todos os conteúdos disponíveis na internet estão passíveis de apropriação de terceiros. Atualmente é muito fácil pegar uma foto ou parágrafo de um texto e repassar como se fosse o próprio autor. Os processos de licenciamento e credenciamento são demasiados burocráticos e acabam por não valer a pena em alguns casos.

Por isso, o Po.et resolveu tentar solucionar o problema criando uma plataforma que usa blockchain para registrar automaticamente o conteúdo publicado, servindo como uma fonte para informações de licenciamento.

Funciona assim: ao publicar um conteúdo no mercado Po.et, uma impressão digital é criada. Depois de atribuída, essa impressão não pode ser adulterada, editada ou alterada. Moldada sob a tecnologia blockchain, a impressão digital da Po.et é resguardada de qualquer falha.

Mercado Digital

Além do certificado imutável de autoria e propriedade de um conteúdo, a Po.et oferece aos criados de conteúdos um mercado onde eles podem publicar seus conteúdos. Dessa maneira, um conteúdo digital pode ser adicionado a diversas plataformas para ser vendido adequadamente.

Os marktplaces usam o token da Po.et (POE) a fim de incentivar os membros a adicionar e classificar de maneira idônea conteúdos.

Para adicionar um conteúdo ao mercado, o dono deve apostar seus tokens. Se outros membros acreditam que o conteúdo é interessante, aceitarão. Caso contrário, o conteúdo é rejeitado e as moedas são confiscadas.

Os membros da plataforma podem ainda criar seu próprio mercado e torná-lo tão amplo quanto quiserem, abrangendo por exemplo, fotos, poemas, memes, etc. Ou podem ainda deixá-lo bastante específico, contendo apenas fotos de cachorrinho pretos comendo banana ou memes do Neymar caindo na Copa do Mundo de 2018.

Os termos de votação, requisitos e a quantia em POE que os novos contribuidores precisam apostar são definidos pelo criador do mercado. Quanto mais conteúdo de qualidade um mercado obtiver mais valioso ele se torna. Dessa maneira, os criadores de conteúdo e os donos de mercado são incentivados a enviarem e a aceitarem apenas conteúdos originais e de qualidade.

Token POE

O token POE foi criado como sendo o principal alimento para o ecossistema Po.et. À medida que a rede se devolve, espera-se que a moeda possa servir como forma de estímulo econômico por trás das atividades do Po.et.

A equipe de desenvolvedores da Po.et cunhou um total de 3.141.592.653 tokens POE durante a ICO que aconteceu em agosto do ano passado. Cerca de 50% dos tokens foram vendidos na ICO pública que levantou um montante de aproximadamente US$ 10 milhões para o desenvolvimento do projeto.

O restante dos tokens foram alocados da seguinte forma: 8% foram destinados à equipe fundadora,  10% aos primeiros investidores, 10% ao parceiros de integração e 22% foram destinados à fundação.

Desenvolvimento do POE no mercado

Desde seu lançamento no mercado, em termos de preço, o POE não trilhou um caminho muito favorável. A variação no espaço de um ano é quase zero. No entanto, a trajetória do token contemplou um importante pico em janeiro deste ano quando o POE chegou a ser negociado por US$ 0,226989. De lá para cá a queda chega a cerca de 92%. De acordo com o CoinMarketCap, a cotação no momento em que essa redação foi escrita o POE estava sendo negociado por US $ 0,017107.

Segundo o site, do total de moedas cunhadas, estão em circulação no mercado 2.317.238.741 POE que podem negociados principalmente pelas exchanges OEX, Binance e OKEx, que concentram maior volume de negociações. Porém é possível conferir uma lista mais completa de todos os negócios através do link: https://coinmarketcap.com/pt-br/currencies/poet/#markets

Para conhecer mais sobre a Po.et acesse o site oficial.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment