A maior varejista de joias de diamantes do mundo, Signet Jewellers, juntou-se ao projeto de Blockchain Tracr, da corporação sul-africana De Beers Group, especializada em mineração e processamento de diamantes.

A maior varejista de joias de diamantes do mundo, Signet Jewellers, juntou-se ao projeto de Blockchain Tracr, da corporação sul-africana De Beers Group, especializada em mineração e processamento de diamantes.

A Blockchain Tracr permitirá aos participantes traçar a origem dos diamantes, a fim de excluir a possibilidade de interação com minerais “conflituosos” que são extraídos ilegalmente nas zonas de guerra no território do continente africano.

A Tracr permitirá que compradores diretos de joias verifiquem a origem das pedras, o que, segundo representantes da De Beers, só fortalecerá a confiança do consumidor no setor.

“Uma responsável determinação da origem dos diamantes é parte integrante do código corporativo de honra da Signet. Com a Tracr, a cooperação só fortalecerá esse processo”, disse Virginia Drosos, chefe da Signet Jewelers, enfatizando a necessidade de uma “transformação digital” na indústria.

Vale ressaltar que anteriormente, o lançamento do projeto piloto da Blockchain De Beers ficou conhecido em janeiro deste ano.