Propy, startup blockchain de administração imobiliária

A Propy, uma startup de Blockchain com sede na Califórnia, pretende simplificar as vendas de imóveis para corretores e consumidores

Publicado em 23 de dezembro de 2016 por

O setor imobiliário precisa urgentemente de um sistema de gerenciamento de dados organizado, estruturado, seguro e eficiente, que permita aos investidores e corretores em todo o mundo contar com um banco de dados abrangente em tempo real. A Propy, uma startup de Blockchain com sede na Califórnia, pretende simplificar as vendas de imóveis para corretores e consumidores usando a tecnologia disruptiva.

A Propy está atualmente disponível em Dubai, Nova York, São Francisco, Los Angeles, Miami e Moscou. Nessas cidades, os consumidores podem comprar propriedades imobiliárias estabelecendo uma conexão com um corretor imobiliário em uma plataforma baseada em Blockchain.

Publicidade

Publicidade

Rede Ethereum

Especificamente, a equipe de desenvolvimento da Propy utiliza a rede Ethereum, a única rede estável de Blockchain baseada na liquidação inteligente de contratos, para replicar o processo de transações imobiliárias. Uma das principais diferenças entre as transações de imóveis convencionais e a solução baseada em contratos inteligentes da Propy é que na plataforma Propy, assinaturas físicas são substituídas por assinaturas digitais.

A equipe de desenvolvimento de Propy alocou uma quantidade significativa de tempo e esforço na concepção de um sistema de contrato inteligente e inovador que combina soluções legais, indústrias de pagamentos e Blockchain. Usando a rede Ethereum, a Propy permite que cada parte, incluindo corretor, comprador, vendedor e notário obtenham uma chave criptográfica privada para assinar a transação.

Contrato imobiliário inteligente

Em uma entrevista, o principal investidor da Blockchain da Propy, Andrey Zamovsky, afirmou que a maioria dos países em desenvolvimento sofrem globalmente com a falta de registro de propriedade eletrônica apropriado. Alguns países, que têm um registro digitalizado, lutam para lidar com hacks e manipulação de dados, em última análise, levando à corrupção e fraude.

Publicidade

Publicidade

Assim, Zamovsky observou que uma plataforma imobiliária imutável baseada em Blockchain é necessária para garantir que a corrupção resultante da manipulação de dados seja impedida. Mais importante ainda, a falta de sistemas de registro sofisticados e seguros também tornam o processo de verificação difícil para os corretores, especialmente se a propriedade da terra é transferida para outros.

Para evitar a má administração de dados e a liquidação fraudulenta do registro, as agências governamentais ou o escritório de registro demoram geralmente de 4 a 6 semanas para verificar as transferências de propriedade, o que é ineficiente e demorado para os investidores.

Zamovsky afirmou:

“Muitos países em desenvolvimento ainda não têm qualquer tipo de registro de propriedade eletrônica ou eles são muito ineficientes, vulneráveis à corrupção, danos físicos, ataques de hack e fraude. O banco de dados em Blockchain é replicado em milhares de servidores em todo o mundo, por isso ficará quase impossível perder dados do Registro.”

Hard fork do Ethereum e questões sobre segurança

Natalie Karayaneva, CEO da Propy e proprietária da empresa de desenvolvimento imobiliário MP Group, abordou a série de forks do Ethereum que foram lançados e executados nos últimos 6 meses.

Enquanto Karayaneva entende e reconhece a frustração da comunidade com o Ethereum e as lutas da equipe de desenvolvimento em lidar com ataques externos e questões internas, ela afirma que esses hard forks ajudam a rede Ethereum a amadurecer e tornar-se resistente a ataques semelhantes no futuro.

Além disso, a Propy oferece camadas de segurança adicionais para sua plataforma, especialmente para transações e liquidação inteligente de contratos. Assim, a plataforma Propy demonstra fortes medidas de segurança para todas as partes envolvidas.

“Nós estamos usando Ethereum porque é a blockchain mais estável com contratos inteligentes hoje em dia. Pode parecer controverso, pois irritou a comunidade de Blockchain fazendo um número de hard forks recentemente, mas acreditamos que cada hard fork realmente torna o sistema mais maduro e o resto das plataformas de contrato inteligente ainda está para passar por questões semelhantes”, Disse Karayeneva.

Pensamentos pessoais

“Sonhar não custa nada”, já dizia o samba, mas acho que a senhora em questão está depreciando outras blockchains ao dizer que nenhuma delas é tão madura quanto à do Ethereum.

E dizer que outras plataformas “certamente” passarão por isso, parece um tanto quanto presunção, ninguém pode garantir que isso ou aquilo vai acontecer com base ao que aconteceu a outra instituição, mesmo que essencialmente sejam a mesma coisa, existem fatores que tornam ou não propicias a ocorrência de certos fatos.

Publicidade

Publicidade

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment