Residente da Holanda implanta carteira de Bitcoin em sua mão

O gerente de marketing de uma empresa que produz ATMs de Bitcoin, Martin Wismeyer, implantou um chip NFC que armazena seus Bitcoins em sua mão.

Publicado em 16 de Abril de 2018 por

O gerente de marketing de uma empresa que produz ATMs de Bitcoin, Martin Wismeyer, implantou um chip NFC que armazena seus Bitcoins em sua mão. Isto foi relatado pela CNBC.

Wismeyer implantou outros chips em 2014, contudo, sua serventia não foi divulgada. Agora, o homem decidiu usar tecnologias modernas para o armazenamento seguro de criptomoedas: a senha de acesso é armazenada no próprio chip, que é difícil o suficiente para decifrar. Além disso, este método de pagamento é extremamente conveniente: é possível fazer compras com um aceno de mão.

Wismeyer diz que gostaria de ter tal chip ainda em 2010, quando começou a comprar Bitcoins.

“Eu posso dizer com certeza que a maioria dos Bitcoins, mais de 80%, perdi por causa de hacking, roubo e outros problemas. Se eu tivesse um chip em 2010, provavelmente seria muito rico agora”, afirmou.

O chip do tamanho de um grão de arroz foi plantado entre o polegar e o indicador. Como Wismeyer disse, o processo levou alguns segundos e não foi mais doloroso que a introdução de um conta-gotas. O processo de cura leva no máximo duas semanas, sendo que o chip pode ser utilizado em três dias.

Wismeyer não disse quantos Bitcoins estão armazenados no chip da mão, mas observou que, por razões de sua própria segurança, mantia “uma pequena quantidade, suficiente para comprar uma cerveja ou café”.

Vale ressaltar que a primeira transação de Bitcoin com a ajuda de um microchip embutido na mão foi feita em novembro de 2015, quando Patrick Lanhead, um desenvolvedor da empresa sueca de software DigitasLBi, com a ajuda de seu colega Huangho Tara, da Arduino, realizou com sucesso um pagamento biológico em Bitcoins através de um microchip desenvolvido pela Dangerous Things capaz de armazenar 888 bytes de dados.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment