Ripple (XRP) ultrapassa Ethereum em capitalização

A capitalização de mercado da moeda criptográfica da Ripple (XRP) ultrapassou a marca de US$ 8,5 bilhões.

Publicado em 8 de maio de 2017 por

A capitalização de mercado da moeda criptográfica da Ripple (XRP) ultrapassou a marca de US$ 8,5 bilhões. Agora o token XRP toma a segunda linha no top dez de capitalização, ficando em segundo, atrás apenas do “ouro digital” neste indicador:

rpp-min

Publicidade

Publicidade

Dados: coinmarketcap

Nas últimas 24 horas, o Ripple cresceu de preço em mais de 70%. No momento da publicação da redação desse artigo o crescimento da criptomoeda estava ainda acontecendo, e a taxa do XRP na corretora de criptomoedas Poloniex é 0.00013748 BTC, algo em torno de US $ 0,193.

O rápido crescimento da criptografia XRP pode ter sido causado pelo anúncio de uma parceria estratégica alguns dos maiores bancos japoneses e australianos, que pretendem desenvolver conjuntamente um sistema de pagamentos interbancários baseado na tecnologia Ripple.

rppt-min

Publicidade

Publicidade

Novas adições

No mês passado a rede global Ripple anunciou que dez novas instituições bancárias e/ou financeiras estariam se juntando a suas linhas de trabalho, entre esse novos integrantes estavam o grupo japonês MUFUG, American Star One Credit Union, a EZ Forex e o espanhol BBVA (Banco Bilbao Vizcaya Argentaria).

O Grupo Ripple também introduziu um mecanismo melhorado para pagamentos transfronteiriços, através do qual espera competir com a rede Visa. Uma das principais instituições financeiras do mundo, o Banco Japonês de Tóquio-Mitsubishi UFJ (BTMU) também se juntou à rede Ripple no final de março.

UPDATE: A partir das 15:40, horário de Brasília, houve uma correção na taxa do Ripple e a Cryptomoeda XRP novamente voltou ao terceiro lugar por capitalização de mercado.

Publicidade

Publicidade

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment