Saxo Bank diz que em 2017 BTC pode valer 3x mais

A equipe do Saxo Bank não ficaria surpresa se o preço do Bitcoin tivesse uma subida meteórica em 2017, aumentando em até três vezes seu valor.

Publicado em 26 de dezembro de 2016 por

Recentemente, um banco de investimentos dinamarquês lançou uma de suas regulares “Predictions Outrageous” anuais para 2017. As previsões são recolhidas de suposições que representam um ponto de vista não oficial, e que vão além do convencional. Ainda assim, o banco afirmou que este relatório é dramaticamente diferente das outras previsões já lançadas, uma vez que eles são uma tentativa de previsão da indústria financeira mais focada em proporcionar uma oportunidade para pensar em um cenário mais extremo para o próximo ano, do que em efetivamente prever o vai e vem do mercado financeiro.

A previsão diz que a Grã-Bretanha, na verdade, não deixará a União Europeia e as ações de bancos italianos vão decolar com o apoio da UE sob a forma de assistência financeira. Além disso, o Saxo Bank disse que, em condições favoráveis, o preço do Bitcoin pode subir rapidamente para US$ 2100 ou mais.

Publicidade

Publicidade

O Banco acredita que a principal razão para tal potencial é que o futuro da administração Trump vai provocará turbulência na economia dos EUA (a razão que deu a recente dinâmica dos preços do Bitcoin).

O Saxo Bank, disse:

“Caso governos de países como a Rússia e a China se mobilizarem para a adoção do Bitcoin como uma alternativa parcial ao dólar dos EUA, ao sistema bancário e pagamentos tradicionais, então veremos o preço do Bitcoin triplicar durante o próximo ano (a partir do valor atual de US$ 700 para US$ 2100). Isso acontece devido à incapacidade do sistema descentralizado (blokchain) de fornecer a quantidade necessária de Bitcoins para atender a demanda, por causa de suas emissões limitadas. E com os baixos custos da transação, ou até mesmo a falta deles, teremos o Bitcoin espalhado ao redor do mundo”.

Em 2014, o então CEO Lars Christensen Seyer (Lars Seier Christensen) discutiu seu interesse “pessoal” em Bitcoin, descrevendo-o como uma boa oportunidade para os investidores. Ao mesmo tempo, ele também sugeriu que a instituição fizesse testes da tecnologia dentro do banco. Embora, mais tarde, Christensen tenha alegado que devido à problemas de liquidez do Bitcoin os bancos prefeririam não utilizá-lo.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment