Se você usa Paypal, pense Bitcoin, sua liberdade a um clique.

Equipe do Paypal confunde reportagem sobre adaptação de família síria, com pessoas residentes na Síria e bloqueia pagamentos.

Publicado em 14 de fevereiro de 2017 por

Em janeiro, uma transação enviada pelo Reminder, para a News Media Canadá foi bloqueada pelo PayPal por ser incompatível com a “política de uso aceitável” do PayPal.

O Reminder, anteriormente conhecido como Flin Flon Daily Reminder, é um jornal publicado três vezes por semana no Canadá.

Publicidade

Publicidade

Uma redatora do Reminder, Valerie Durnin enviou um pagamento de US$ 242,95 para a equipe do News Media Canadá para confeccionar um artigo intitulado “família síria se adapta à nova vida” para os prêmios comunitários anuais dos jornais canadenses.

Notícias proibidas

Mais tarde, descobriu-se que o PayPal havia bloqueado a conta da News Media Canadá porque a transação continha a palavra-chave “na Síria.”

No PayPal, quando uma instituição ou um indivíduo envia o pagamento para o outro, a transação é considerada um pagamento de bens ou serviços. Sob esta categoria transacional, os usuários são obrigados a introduzir a descrição do item, bem ou serviço a ser vendido à outra parte, no caso da Reminder e News Media Canadá, o algoritmo foi desencadeado porque o editor da Reminder  havia incluído o título do artigo que continha a palavra-chave “Síria” na transação.

Inicialmente, o PayPal bloqueou o pagamento por 72 horas e prometeu a Reminder uma resposta ou um follow-up dentro de três dias. Depois que 72 horas se passaram, a equipe do PayPal ainda não tinha emitido  nenhuma explicação ou uma resposta e simplesmente redirecionado o pagamento de volta para a Reminder .

Quando a Reminder contatou a News Media Canadá para resolver o problema da falha no pagamento, a equipe da News Media Canadá percebeu que o PayPal havia bloqueado as transações de entrada da Reminder  e da conta real da News Media Canadá, o que significava que a conta de PayPal da News Media Canadá não era elegível para receber ou enviar pagamentos a ninguém ou mesmo retirar o saldo da conta.

Independentemente da finalidade do pagamento, a equipe PayPal continuou a bloquear a conta da News Media Canadá e exigiu que o meio de comunicação lhe fornecesse detalhes explícitos sobre o tema do artigo.

Somente após a restauração da conta, que um porta-voz do PayPal Canadá enviou um email para News Media Canadá afirmando que o Departamento do Tesouro dos EUA tem regulamentos para o envio de pagamentos para a Síria. Todo o processo de desbloquear a conta e ter a transação concluída consumiu uma semana.

Bitcoin e liberdade financeira

Tais casos envolvendo prestadores de serviços financeiros centralizados levaram a um grande desconforto para as empresas e indivíduos ao longo das últimas décadas. O PayPal é conhecido por suas ações imprudentes relativas ao consumidor, impedindo operações e desativando contas a seu bel prazer sem tentar chegar a uma resolução com os titulares de contas .

É importante para os usuários a compreenderem a importância da privacidade financeira e o mérito de usar um sistema de pagamento descentralizado ou uma via de pagamentos como o Bitcoin. Prestadores de serviços financeiros centralizados, como o PayPal não devem ou não deveriam ser capazes de bloquear os pagamentos dos operadores das empresas genuínas com base em acusações infundadas.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

comentário sobre

  1. Fellipe Melo

    Ótimo artigo. Já sofri muito com paypal. Isso que dá quando um gigante de pagamentos detém monopólio. Digo monopólio porque não tem nenhum sistema que concorra com eles.

Leave a Comment