Startup Block Armour inventa a blockchain “Avenger”

Block Armour, uma nova startup de protótipos inovadora, impulsionada pela tecnologia blockchain para segurança cibernética

Publicado em 27 de março de 2017 por

Block Armour, uma nova startup de protótipos inovadora, impulsionada pela tecnologia blockchain para segurança cibernética, foi recentemente lançada na Índia com o objetivo de reduzir o fenômeno global do cibercrime.

A inciativa Block Armour

A Block Armour, com sede em Mumbai, foi criada por Narayan Neelakantan, ex-CISO e Chefe de Risco e Compliance da TI da National Stock Exchange da Índia (NSE) e Floyd DCosta, que tem experiência em consultoria de gestão e passou  11 anos na Capgemini.

Publicidade

Publicidade

O problema

Representando uma abordagem disruptiva para a recuperação da cibersegurança corporativa, a Block Armor está tentando trazer a segurança a um nível mais elevado com custo menor, talvez uma fração do custo atual.

De acordo com a pesquisa de mercado norte-americana Gartner, os gastos globais com segurança de TI subiram para US$ 148,5 bilhões, passando de US$ 65,5 bilhões em 2013 para US$ 83 bilhões em 2016, com segurança esperada de 50%.

No entanto, apesar de um aumento significativo nos gastos globais com segurança de TI, os incidentes de segurança cibernética continuam a crescer entre as indústrias com as empresas de soluções existentes lutando para manter o ritmo.

Publicidade

Publicidade

Neelakantan destacou que o rápido desenvolvimento dos dispositivos em rede e a Internet das coisas (IoT) complicaram ainda mais as coisas, enquanto as empresas de segurança em sua maioria ainda trabalham com tecnologia defasada para combaterem os cibercrimes, essa diferença de tecnologia está agravando ainda mais a questão.

E a coisa não apresenta, por agora, um quadro de melhora. Os desafios ficarão ainda maiores para as empresas de segurança cibernética, e com certeza os criminosos digitais ficarão mais ousados, uma solução é muito necessária.

Ele disse:

“Temos tecnologias emergentes como a blockchain e tecnologia TLS, bem como arquiteturas como o Software Defined Perimeter que pode ser efetivamente usado para recuperar a segurança cibernética. Isso é exatamente o que estamos reunindo no Block Armor”.

Combater o cibercrime

Com o uso do Software Defined Perimeter, a equipe da Block Armor está planejando usar assinaturas digitais baseadas em autenticação para humanos, dispositivos e dados.

De acordo com Neelakantan, isso permite que eles protejam com segurança a infraestrutura crítica dos dados, além de fornecer vantagens IoT relacionadas à segurança.

Como este é um problema muitas indústrias atravessam, o interesse que a equipe recebeu como esperado foi alto, daqueles que desejam ter uma solução que irá fornecer a proteção de que necessitam.

Se ele fornecerá a resposta para estas questões, isso ainda está para ser determinado. No entanto, uma vez que tal plataforma poderia estar disponível antes do verão, acba dando a muitos a confiança de que a Block Armor pode fornecer uma resposta onde outros falharam.

Desde o lançamento do protótipo, a Block Armor recebeu feedback positivo sobre o potencial que ele pode alcançar. Como resultado, a equipe está disposta a trazer a solução para o mercado com uma versão alpha esperado para ser lançado em fevereiro e uma versão beta deverá ser lançada em maio de 2017.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment