Thomson Reuters anuncia expansão para 100 criptomoedas

A Thomson Reuters, multinacional do setor de noticiais e dados, anunciou nessa quarta-feira, dia 13, que está expandindo sua ferramenta de dados sobre criptomoedas para cobrir mais de 100 moedas distintas.

Publicado em 13 de junho de 2018 por

A Thomson Reuters, multinacional do setor de noticiais e dados, anunciou nessa quarta-feira, dia 13, que está expandindo sua ferramenta de dados sobre criptomoedas para cobrir mais de 100 moedas distintas.

O feed de dados de Bitcoin, lançado inicialmente em março, foi elaborado em parcerias com o MarktPsych Data LLC. O índice Thomson Reuters MarketPsych Cryptocurrency Sentiment (TRMI 3.1) acompanha cerca de 2 mil sites e 800 redes sociais em tempo real e monitora as percepções a respeito do Bitcoin – como euforia e esperança de revelar os padrões do mercado e formar projeções para investimentos. Para isso, é utilizada uma combinação de ferramentas de linguagem natural e aprendizado de máquinas.

Além disso, de acordo com a empresa, o TRMI é auxiliado por análises quantitativas e aplica ferramentas adicionais elaboradas por economistas comportamentais da MarketPsych a fim de distinguir temas relevantes e aperfeiçoar as estratégias acionáveis.

Todo esse processo de expansão das capacidades do TRMI faz parte do processo de desenvolvimento tecnológico utilizando inteligência artificial para combinar produtos de investimento.

Como explicou o CEO da MarketPsyche, Richard Peterson, as criptomoedas são, em essência, digitais e, por isso, informações fluem ao redor delas. Dessa maneira, dados de sentimentos podem servir para identificar importantes tendências de mercado. Linhas de diálogo digital podem ser apontadas como indicadores de investimento válidos ou ultrapassados.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment