Tom Lee comprou Bitcoin durante o dump

A agência analítica Fundstrat Global Advisors LLC publicou um relatório sobre a dinâmica da indústria de mineração de Bitcoin. Especialistas da organização chegaram à conclusão de que o ponto de equilíbrio da mineração é um nível de suporte confiável e de longo prazo para o preço da Primeira Moeda.

Publicado em 26 de dezembro de 2017 por

O fundador e analista chefe da Fundstrat Global Advisors, Tom Lee, aproveitou o recente declínio no preço do Bitcoin para reabastecer seu portfólio de criptomoedas. Ele contou sobre isso em entrevista à CNBC.

“Nós compramos Bitcoin neste rollback. Ao longo do mês passado, o valor fundamental da moeda aumentou devido ao aumento do número de novas bolsas registradas. Isso explica o crescimento de nossa previsão de preços de curto prazo”, disse Lee.

Além disso, a previsão para o preço do Bitcoin no meio de 2018 se elevou: de US$11,5 mil para US$20 mil.

“Revisamos nossa previsão para 2018 para refletir uma onda de atividade nos últimos meses. No futuro, acredito que, até meados do ano que vem, o número de carteiras com endereços IP exclusivos crescerá em 50% e a atividade por usuário, em 10% dos níveis atuais “, diz o novo relatório.

Vale ressaltar que mesmo com a recente queda, o crescimento do Bitcoin desde o início de 2017 foi de 1360%.

Lembre-se de que anteriormente, o fundo de hedge criptográfico Blocktower Capital apostou US$1 milhão no fato de que o preço do Bitcoin chegará a US$50 mil no final do próximo ano.

 

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment