TorCoin, o anonimato a um novo nível

A TorCoin, uma nova criptografia que será integrada com a rede TOR, levará anonimato para um novo nível. A criptocorrência anônima, usa o consenso de prova de trabalho X11 que permite que os mineiros apoiem ​​a rede TorCoin.

Publicado em 24 de abril de 2017 por

A TorCoin, uma nova criptografia que será integrada com a rede TOR, levará anonimato para um novo nível. A criptocorrência anônima, usa o consenso de prova de trabalho X11 que permite que os mineiros apoiem a rede TorCoin. 

A TOR é uma rede descentralizada de código aberto que permite que os usuários em todo o mundo tenham total anonimato na Internet, roteando endereços de IP entre vários nós. A TOR se defende contra a análise de tráfego, um tipo de vigilância de rede que vem ameaçando a privacidade e segurança das pessoas.

Anonimato sempre

O anonimato emergiu como uma das preocupações mais críticas para os usuários de criptocorrência. A TorCoin permite que seus usuários tenham certeza de que suas transações não possam ser rastreadas.

Qualquer pessoa pode usar a TOR para proteger seu anonimato sem considerar a nacionalidade, política, religião ou qualquer outro fator.

Ao contrário do Bitcoin, a TorCoin recompensa os usuários pela execução do nó TOR. A TorCoin permite aos usuários enviar moedas de forma anônima, ao contrário do Bitcoin, que tem transações completamente rastreáveis. Os usuários da TorCoin não precisam “misturar” moedas para mantê-las anônimas.

Publicidade

Como a rede TOR está totalmente integrada com a TorCoin, ninguém consegue saber quem está usando a moeda. Os usuários da TorCoin não conseguem conhecer a localização física do nó de outro usuário da TorCoin. A moeda oferece mensagens criptografadas de ponta a ponta entre os usuários.

Nós anônimos

Todos os nós da TorCoin são anônimos. Ninguém pode saber quando alguém está executando um nó TorCoin ou rastrear sua localização. A rede reencaminha a conexão de todos os usuários com outros nós TorCoin executando essa ligação através da rede TOR.

A TorCoin é uma moeda híbrida que fornece integração total para Tor com a rede Tor Onion.

Enquanto a moeda usa um algoritmo de Prova de Trabalho (PoW), ele passa para Prova de Participação (PoS) depois de dois anos, quando um pequeno número de moedas será emitido anualmente para reposição. A emissão será de 5% ao ano.

A prova de participação impede ferramentas de mineração centralizadas que poderiam prejudicar a rede, como o que pode acontecer ao Bitcoin, com um ataque de 51%. A maioria da mineração do Bitcoin está na China, dando a essa região um nível significativo da influência sobre a criptomoeda.

12 milhões de moedas em 2 anos

Haverá 12 milhões de moedas TorCoin criadas durante o período de dois anos de prova de trabalho, seguido por pequenas liberações de moedas para reposição. A TorCoin emitirá  menos moedas que o Bitcoin e significativamente menos do que o Ethereum.

O bloco de gênese TorCoin foi desenvolvido com cerca de 10% de todas as moedas que serão emitidas, aproximadamente 1,2 milhão. O Bitcoin, pelo contrário, foi “minerado instantaneamente” para cerca de 1 milhão de moedas. E o Ethereum foi “pré-vendido” em uma crowdfunding de cerca de 20% de sua emissão total.

Publicidade

O Incentivo Direito

A TorCoin acredita que a alocação de 10% de suas emissão sendo direcionadas para os desenvolvedores fornece um incentivo para garantir o sucesso da moeda, bem como os meios para pagar uma equipe de desenvolvimento que esteja constantemente trabalhando no software. Sem moedas, o criador pode optar por abandonar o projeto.

O criador tem a opção de “staking”, reunindo exchanges para listar a moeda, oferecendo às mesmas uma quantidade justa de ativos para listá-la. Listar uma moeda em várias corretoras é um ponto crítico muito necessário para o sucesso da moeda.

Atualmente, a TorCoin está disponível na C-Cex Exchange, CoinExchange.io e CoinMarkets.com.

A TorCoin não está afiliada ao projeto TOR.

A TorCoin melhorou desde que um grupo de estudantes de pós-graduação desenvolveu o projeto em 2013 e logo o abandonou. A  TorCoin nova não usou nenhum código da TorCoin original, que ainda está alistada na CoinMarketcap, mas não tem volume do comércio e um topo de 9 TBC.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment